Novo Centro Pompidou terá formato de chapéu

O novo Centro Pompidou, a ser construído na cidade de Metz, nordeste da França, terá o formato de um chapéu de camponês chinês. /APProjeto do Centro Pompidou de MetzO museu de arte moderna e contemporânea será a "instituição-irmã" do Centro Pompidou em Paris - uma caixa de vidro com vários tubos do lado de fora -, outra obra de arquitetura marcante.Este será o primeiro museu nacional a abrir uma "filial" fora de Paris, para exibir o acervo de 56 mil peças do centro Pompidou, que raramente são mostradas por conta da falta de espaço.O novo centro terá cerca de dez mil metros quadrados de galerias, com paredes de vidro e vista panorâmica, e deverá ser aberto em 2008.A construção está prevista para começar em janeiro de 2006 e faz parte de um projeto do governo francês de abrir museus nacionais fora da capital.O Louvre também deve construir uma "filial" na cidade de Lens, norte da França, em 2009.O autor do projeto do prédio do Novo Pompidou é o arquiteto japonês Shigeru Ban, que tirou a inspiração de um chapéu de bambu."Comprei o chapéu seis anos atrás, quando estava pensando em idéias para o telhado", disse o premiado arquiteto à agência de notícias Associated Press.Ban venceu o concurso para o desenho com o francês Jean de Gastines e o britânico Philip Gumuchdjian.Em 2002, ele recebeu o Prêmio Mundial de Arquitetura pela "melhor casa do mundo" - um grande cômodo plano com unidades cúbicas que podem ser movidas de acordo com o gosto do morador.Ele também é conhecido pela criação de abrigos temporários feitos de rolos de papelão. As estruturas criadas por ele foram enviadas para o Sri Lanka depois do tsunami do ano passado, e para o Japão, depois do terremoto de Kobe, em 1995.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.