Nova geração reabilita os até então 'malditos' da MPB

Compositores como Tom Zé, Sérgio Sampaio, Jards Macalé, Jorge Mautner, Luiz Melodia, Torquato Neto, Walter Franco, Itamar Assumpção... Quando surgiram, foram logo considerados estranhos no ninho, rotulados como "malditos". Mas uma nova geração os compreende muito bem. Nada mais natural, então, como deixa claro a cantora Camila Costa, que eles sejam benditos entre os expoentes da nova geração, que homenageiam quatro deles a partir de hoje, no Centro Cultural Banco do Brasil, em São Paulo.

AE, Agência Estado

01 de fevereiro de 2011 | 09h13

Além de Camila, estão na programação Andreia Dias cantando Sampaio, Anna Ratto interpretando Tom Zé (com participação de Anelis Assumpção) e a banda feminina Chicas celebrando Mautner. Além de Zeca Baleiro no show com o cancioneiro de Sampaio, Macalé e Mautner participam dos próprios tributos.

Camila idealizou a série "Bendito É o Maldito Entre as Mulheres" e inicia a programação hoje cantando Macalé. Ele sozinho com seu violão já é um show à parte e vai dar mais do que uma canja. Camila vai cantar clássicos e lados B, como "No Meio do Mato" e "Pontos de Luz". "Não foi fácil realizar esse projeto, mas estou bem feliz com o que consegui, com o patrocínio do CCBB. É a primeira vez que fico do lado de cá, da produção", diz a cantora, que escolheu todo o elenco e assina a direção musical dos shows. A banda que a acompanha só tem feras: Sacha Amback, Marcos Suzano e Rodrigo Campello. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

SERVIÇO - BENDITO É O MALDITO ENTRE AS MULHERES

CCBB. Rua Álvares Penteado, 112, telefone 3113-3651. 3ªs, às 13 h e 19h30. R$ 6. Até 1º/3.

Tudo o que sabemos sobre:
músicashowex-malditos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.