Nosso momento

Mercúrio em sextil com Netuno e quadratura com Urano; a Lua míngua em Leão.

Quiroga, O Estado de S.Paulo

26 de novembro de 2010 | 00h00

Todos e cada um de nós somos feitos para um momento da vida, que não pode ser medido como duração ou espaço, mas como instante existencial para o qual concorrem diversas correntes de acontecimentos, cujas origens se perdem nas brumas. Deixar passar esse momento é viver uma vida inútil e vazia, esse é o único perigo verdadeiro que enfrentamos e para o qual somos tentados também. Nosso momento é nossa verdade interior, aquilo que por falta de outro nome chamamos destino, a lei inscrita em nosso coração. Proteger essa lei é sermos protegidos por ela, tentar destruí-la é pedir para sermos destruídos por ela. Dilemas muito difíceis precisam ser resolvidos para reconhecê-la, mas é isso que faz a vida valer a pena, porque há pena, claro que há!

ÁRIES 21-3 a 20-4

Ideais avançados tornam-se possíveis, não tanto pela ajudinha daquelas pessoas que continuamente se abstiveram de oferecê-las, mas como resultado de todos os sacrifícios que você impôs à sua própria alma no passado.

TOURO 21-4 a 20-5

Talvez, muitas das pessoas que serviram aos seus projetos durante longo tempo não se adaptem mais ao futuro que sua alma objetiva conquistar. Talvez, nada é absolutamente certo, mas há sinais evidentes...

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Diferentes opiniões, quando ouvidas com atenção e flexibilidade mental, podem abrir panoramas novos e interessantes e, como resultado, brindar perspectivas maiores e melhores daquelas pelas quais você lutava.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Essas complicações chatas que as pessoas produzem e que tanto aborrecem você, no fundo seriam úteis para você reconsiderar com mais atenção todas as estratégias e planejamento. As demoras podem ser providenciais.

LEÃO 22-7 a 22-8

Há espaço para acordos que beneficiariam todas as partes, mas você sabe, paixões conseguem falar mais alto do que a razão e é assim que as tragédias são postas em movimento. Não há vencedores nem vencidos nas guerras.

VIRGEM 23-8 a 22-9

O tema central não é

o que as pessoas farão por você, mas o que você poderá fazer por elas. Compreenda a natureza de sua utilida-de entre o céu e a Terra e isso representará meio caminho andado na direção do sucesso.

LIBRA 23-9 a 22-10

Realize seus desejos independentemente do resultado desse ato. Nada garante que a realização seja satisfatória, podem ocorrer percalços e toda promessa de prazer se transformar em problemas complicados e adversidades.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Um dia parece estar tudo solucionado, no dia seguinte as coisas desandam como se nunca tivessem sido acertadas. Essa gangorra está deixando sua alma irritada, mas no momento não há mui-to que fazer além de observar.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Aquela magia das coincidências não virá ao seu auxílio neste momento, você terá de produzir intencionalmente todas as situações necessárias para que os planos continuem andando da melhor forma possível.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Os percalços e trope-ços são transitórios, mas já duram tanto tempo que sua alma começou a suspeitar de ser essa a nota dominante de tudo. Talvez seja, mas ninguém poderia fazer essa afirmação sem deixar lugar a dúvidas.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Talvez seja necessário usar alguns truques de duvidosa reputação para avançar no caminho, mas isso deve ser considerado uma situação excepcional e reduzida ao mínimo possível. Isso deixa clara a complexidade atual.

PEIXES 20-2 a 20-3

Use seus pensamen-tos mais íntimos e sinceros para orientar seus passos neste momento complexo da vida. A selvageria que se processa no mundo é inexorável, mas isso não significa que você esteja destinado a ela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.