Nobel é assunto da Feira de Frankfurt

O mundo editorial reunido na Feira do Livro de Frankfurt recebeu hoje com satisfação a notícia de que o escritor V.S. Naipaul, até agora limitado a um público leitor selecionado, possa ser lido por maior número de pessoas."Creio que Naipaul é um autor curioso para este momento histórico que estamos vivendo", disse seu editor em língua espanhola, Constantino Bértolo, da editora Debate, que é ligada ao grupo Random House, e que vem apostando no escritor desde 1990. Mesmo respaldado por uma grande editora, as tiragens espanholas de seus livros não passam de 3 mil exemplares. Seu editor alemão, Rainer Moritz, disse que até agora não havia sido fácil encontrar leitores para Naipaul na Alemanha.Constantino estava certo de que Naipaul receberia o Nobel "Li no Le Monde há pouco tempo uma entrevista com o secretáriopermanente da Academia Sueca que disse que havia uma nova literatura que precisava ser levada em conta, a que mistura ficção e reportagem, e mencionou o nome de Naipaul", explicou o editor.

Agencia Estado,

11 de outubro de 2001 | 13h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.