Nobel de Literatura Dario Fo invade passarelas de Milão

Dario Fo, o Prêmio Nobel de Literatura conhecido por suas peças irreverentes e satíricas, vai aparecer nas passarelas de Milão na próxima semana, casando moda com arte. O escritor, que em maio passado, aos 80 anos, candidatou-se a prefeito de Milão (mas não ganhou), vai apresentar o desfile de moda masculina da grife Romeo Gigli no dia 18, com uma pequena performance teatral. Ele vai percorrer a passarela cercado por reproduções em tamanho grande dos quadros "Triunfo de César", do pintor renascentista Andrea Mantegna, cujas cores correspondem às da nova coleção da grife italiana. Além disso, vai comentar o papel da moda. "A moda é uma forma de arte, e a intenção é que a performance de Fo seja uma nova maneira de apresentá-la", disse à Reuters a nova diretora criativa da Romeo Gigli, Gentucca Bini. Dario Fo, que é amigo da família de Bini, disse ao jornal La Repubblica que sua intenção é infundir um sopro de ar novo nos desfiles de moda de Milão, que, para ele, se converteram em performances fortemente regulamentadas e de acesso restrito. "Tudo o que é velho e conformista é chato. É melhor inventar algo novo", disse ao jornal o escritor, que recebeu o Nobel de Literatura em 1997. A grife Romeo Gigli é famosa por suas cores ricas e seus têxteis de luxo para homens. Bini pretende utilizar as reproduções de Mantegna como pano de fundo de seu desfile. O público ficará sentado como espectadores num teatro. Os lugares serão distribuídos por ordem de chegada, e a performance de Dario Fo será exibida em telões fora do local dos desfiles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.