Nicolas Cage volta às telas como caçador de tesouros

A Lenda do Tesouro Perdido: Livro dos Segredos estréia hoje nos cinemas do País, mais uma produção sobre tesouros perdidos e lugares inexplorados. O longa promete agradar aos fãs de Indiana Jones e para os mais jovens soa como uma saborosa novidade. Seqüência de filme homônimo que faturou quase US$ 350 milhões no mundo inteiro em 2004, o longa de Jon Turteltaub (Duas Vidas), produzido pelo mago dos filmes de ação, Jerry Bruckheimer (Piratas do Caribe), conseguiu reunir novamente os astros do primeiro filme.Nicolas Cage volta como um caçador de tesouros meio com cara de bobo que precisa limpar o nome da família. Isso porque, dizem as más línguas, seu tataravô foi um dos responsáveis pelo assassinado do maior presidente da história dos Estados Unidos, Abraham Lincoln, em 14 de abril de 1865. Para limpar a barra do tataravô, ele precisa mudar um trecho da história da humanidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.