Net altera canais e culpa digitalização

Atualmente nos canais 12, 8 e 59 da Net, a TV5, a TVE e a BBC voltarão a ocupar, no line up da Net, os números 30, 28 e 59, respectivamente, como ocorria até duas semanas atrás. Mas isso só está previsto para acontecer em junho, depois que essas sintonias estiverem aptas para a distribuição digital. É como se valesse, em tese, um aviso do gênero: "Desculpem-nos pelo transtorno - estamos em obras para melhor atendê-los." Assim diz o diretor de produtos e serviços da Net, Márcio Carvalho. Segundo ele, as "obras" nos canais 28, 30 e 58 permitirão que, diante da distribuição digital, esses canais possam oferecer mais de uma opção de áudio e de legenda ou close-caption, por exemplo. Isso ainda não é possível pelo sistema analógico. Carvalho adianta, no entanto, que em junho, quando toda a distribuição passar a ser digital - mesmo para assinantes do sistema analógico -, os pagantes terão de ligar na central de atendimento. Os técnicos, para falar em telemarketês, "vão estar providenciando" a atualização do decodificador. Quem não se manifestar poderá perder o acesso a esses canais. A RAI, aparentemente dispensada do transtorno, talvez também deixe a sintonia 36 para se alojar em outro canto até junho. Os demais canais estrangeiros já estariam preparados para tanto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.