'Não, nós não vamos aceitar isso', diz Jennifer Lopez sobre seu momento #MeToo

'Não, nós não vamos aceitar isso', diz Jennifer Lopez sobre seu momento #MeToo

A cantora, atriz e produtora disse à revista 'Harper’s Bazaar' em entrevista publicada nesta quinta-feira, 15, que no início de sua carreira foi solicitada a mostrar seus seios   

Jill Serjeant, Reuters

15 Março 2018 | 23h46

LOS ANGELES (Reuters) - Jennifer Lopez teve seu próprio momento #MeToo anos atrás, mas não saiu como planejado para seu potencial agressor. A cantora, atriz e produtora disse à revista Harper’s Bazaar em entrevista publicada nesta quinta-feira, 15, que no início de sua carreira foi solicitada a mostrar seus seios. Ela recusou.     

Lopez disse que não vivenciou o tipo de abusos sexuais relatados por muitas outras mulheres em Hollywood.     

“Mas eu fui solicitada por um diretor para tirar minha blusa e mostrar meus peitos? Sim, eu fui. Mas eu fiz isto? Não, eu não fiz”, disse Lopez, de 48 anos, à revista.

 “Quando eu falei sobre isto, eu fiquei aterrorizada. Eu lembro do meu coração batendo para fora do peito, pensando ‘O que eu fiz? Este cara está me contratando!’ Era um dos meus primeiros filmes. Mas na minha cabeça eu sabia que o comportamento não estava certo”, acrescentou. Lopez não identificou o homem ou o filme.     

Ela deu os créditos da sua rejeição por ter crescido na dura região nova-iorquina do Bronx na década de 1970.     

“Eu acho que no fim das contas o Bronx estava em mim como ‘não, nós não vamos aceitar isso’”, disse Lopez. Acusações de condutas sexuais impróprias contra dezenas de homens poderosos em Hollywood geraram o movimento #MeToo nas redes sociais, com centenas de mulheres se apresentando nos últimos seis meses para contar histórias de agressões e assédios.

Lopez, que começou sua carreira como dançarina e cantora, também é uma atriz e produtora de cinema e TV. Ela teve uma passagem como jurada no programa American Idol, um papel de destaque no drama policial de TV Shades of Blue e é produtora de programas como World of Dance e da comédia romântica Second Act.     

A Harper’s Bazaar entrevistou Lopez para sua edição de abril, que chega às bancas em 27 de março.     

Mais conteúdo sobre:
Jennifer Lopez#Metoo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.