'Não-entrevista' que fez história

Frank Sinatra Está Resfriado é uma peça clássica do novo jornalismo. Publicado pela revista Esquire em abril de 1966, esse texto de Gay Talese se tornou uma Bíblia para jornalistas norte-americanos e brasileiros. A maior curiosidade é que Talese não entrevistou Sinatra para escrever. James Kaplan comentou o procedimento do repórter, que concebeu a matéria baseando-se, sobretudo, na observação atenta ao comportamento do cantor durante seis semanas do inverno de 1965. "É um grande texto que teria resultado infinitamente inferior se Talese conversasse com o cantor. Sinatra provavelmente teria respondido as questões de Talese com banalidades e de modo evasivo. A ausência de entrevista aumentou a agudeza das observações do jornalista e conferiu ao relato uma atmosfera de tensão que diminuiria com um encontro frente a frente. Talese, que é meu amigo, me contou ter participado, anos após o texto ser publicado na Esquire, de um jantar para o qual Sinatra foi convidado. Apenas oito pessoas estavam presentes, mas Sinatra não olhou nem falou com o jornalista uma vez sequer." Frank Sinatra Está Resfriado foi reunido em Fama e Anonimato, coletânea cujo apêndice contém o relato elucidativo Como Não Entrevistar Frank Sinatra.

Francisco Quinteiro Pires ESPECIAL PARA O ESTADO NOVA YORK, O Estado de S.Paulo

18 de dezembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.