Hudson Rennan
Jão se diz honrado em dividir o palco com o cantor Nando Reis Hudson Rennan

Jão se diz honrado em dividir o palco com o cantor Nando Reis Hudson Rennan

Música, teatro e passeios: confira atividades para fazer no fim de semana

Festival Turá leva Jão e Nando Reis, Marina Sena, Illy e Baco Exu do Blues aos palcos

Danilo Casaletti e João Scheller , Especial para o Estadão

Atualizado

Jão se diz honrado em dividir o palco com o cantor Nando Reis Hudson Rennan

Em sua primeira edição, o Festival Turá ocorre neste fim de semana no gramado do Auditório do Parque do Ibirapuera. Além de apresentações de nomes como Alceu Valença e Emicida, o evento vai promover encontros no palco, como o que une Nando Reis e Jão – cantor que vem lotando plateias e é apontado como uma das principais revelações do pop brasileiro.

Os dois lançaram recentemente o single Sim, regravação de uma música de Nando. Porém, no festival, eles se encontrarão pela primeira vez diante de uma plateia.

Jão se mostra animado. “É uma honra compartilhar música e o palco com um artista como o Nando. Vamos cantar a nossa versão de Sim pela primeira vez juntos em um palco. Vai ser lindão", diz ao Estado.

Nando Reis devolve o elogio. “As portas foram abertas na gravação de Sim e agora é passear por novos caminhos. Vamos cantar três músicas juntos. E pelo que rolou no ensaio, vai ser lindo. Esse rapaz canta muito bem, de forma muito bonita”, diz.

Outro destaque da nova geração, a cantora Marina Sena se apresentará como convidada, junto com Illy, da apresentação do rapper Baco Exu do Blues.

“Eu estou super animada para minha participação no Turá. Vai ser bom demais cantar com eles, artistas que admiro e ainda gosto pessoalmente. A gente vai se divertir. Acho que toda essa mistura do line up vai fazer com que seja uma noite inesquecível”, diz Marina.

Dividido em dois dias, o Turá terá no sábado (2) a apresentação de nomes como Emicida, Duda Beat, Xamã, Roberta Sá, além de Zeca Pagodinho. No domingo (3), sobem ao palco, além de Alceu, Nando, Jão, Marina Senna e Baco, Mart’nália, Baiana System, entre outros. O canal Multishow transmitirá o festival ao vivo.

Sáb. (2) e dom. (3), 11h/22h. Auditório do Ibirapuera. Lado Externo. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, Vila Mariana. R$ 360/R$ 700. Compre seu ingresso.

 

Raça Negra

Para celebrar o lançamento do novo DVD, o grupo canta seus principais sucessos e releituras de clássicos nacionais. Com 38 anos de carreira, traz no repertório sucessos como É Tarde Demais, Cheia de Manias e Cigana. Sáb. (2), 22h. Vibra São Paulo. Av. das Nações Unidas, 17955, Vila Almeida. R$ 45/R$ 120. Compre aqui.

Bossa pop

Autor de mais de trezentas músicas gravadas por nomes como Diana Krall, Elis Regina e Tim Maia, o compositor e intérprete Marcos Valle apresenta seu novo show Vida, que leva o nome da composição feita por Valle junto da cantora Liniker. Sáb. (2), 20h. Blue Note.  Av. Paulista, 2.073, 2º andar, Bela Vista. R$ 160. Compre aqui.

Jota Quest

Os mineiros do Jota Quest iniciam a nova turnê  Jota 35 — de volta ao novo. O show é dividido em três atos — sólido, líquido e gasoso — em referência aos “estados físicos da matéria” e promete reviver sucessos da trajetória musical do grupo. Sáb. (2), 22h30. Espaço Unimed. R. Tagipuru, 795. Barra Funda. R$ 120/R$ 340. Compre aqui.

Para os seguidores

Acompanhado de banda, Chico César apresenta sucessos de carreira, como Mama África e Onde Estará Meu Amor, além de canções que ele apresenta em seu perfil no Instagram. Hoje (1º), 23h. Studio SP. R. Augusta, 591, Consolação.  R$ 60/R$ 80. Ingresso.

Música e poesia

Com repertório que parte da introspecção, Arnaldo Antunes e Vitor Araújo apresentam o show do disco Lágrimas no Mar, lançado no ano passado. Além das faixas que compõem o álbum, a apresentação traz canções de outras fases da carreira de Antunes e poemas entoados ao longo da apresentação. Hoje (1) e Sáb (2), 21h; Dom. (3), 18h. Teatro do Sesc Belenzinho. R. Padre Adelino, 1.000, Belenzinho. R$ 12/R$ 40. Compre seu ingresso.

 

Disco clássico

Duas décadas depois do lançamento do álbum Rebirth a banda de heavy metal Angra iniciou uma turnê para comemorar um de seus mais importantes álbuns. A apresentação será realizada em formato híbrido, contando com transmissão ao vivo pela internet por meio da plataforma Showlivre Play. Sáb. (2), 22h. Tokio Marine Hall. R. Bragança Paulista, 1.281, Chácara Santo Antônio. R$ 110/R$ 200. Compre aqui.

Noites de blues

Artistas nacionais e internacionais marcam presença nas três noites do Blues Sessions no Bourbon Street. A programação começa com o americano Jimmy Burns, guitarrista, cantor e compositor da geração de ouro do blues. Durante o mês de julho, a casa recebe ainda o Artur Menezes e o duo Celso Salim & Darryl Carriere. Dom. (3), 21h. Bourbon Street. R. Dos Chanés, 127, Moema. R$ 65. Compre aqui.

Jovem Bossa

Passando por sucessos da Bossa Nova e da Jovem Guarda, a cantora Claudya realiza o show de lançamento de seu novo álbum A Nossa Bossa Sempre Jovem. A cantora alinha os dois gêneros, que já foram considerados rivais, e traz canções como Devolva-me, Nossa Canção e Gatinha Manhosa. 5ª. (7), 20h. Blue Note. Av. Paulista, 2.073, 2º andar, Consolação. R$ 90. Compre aqui.

Festival Internacional de Harpas

Trazendo harpistas de diferentes países, o SPHarpFestival contará com apresentações de repertórios variados, desde a música clássica, passando pelo pop, até canções tradicionais de diferentes países. Artistas como a francesa Claire Le Fur, a sul-africana Kobie du Plessis e a austríaca Edith Gasteiger fazem parte das atrações. 4ª (6), 5ª (7), 8, 9 e 10/7, 13h/15h. Centro Cultural Banco do Brasil. R. Álvares Penteado, 112, Centro. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Evita Open Air traz uma nova abordagem ao teatro musical

Além da montagem, os atores Herson Capri e Leandro Luna encenam um encontro de pai e filho na peça 'A Vela'

Danilo Casaletti e João Scheller, Especial para o Estadão

01 de julho de 2022 | 05h00

Com a estrutura de um festival a céu aberto, o Evita Open Air promete trazer uma nova abordagem ao teatro musical. Protagonizando Myra Ruiz, Cleto Baccic e Fernando Marianno, a montagem será acompanhada de espaço gastronômico que servirá itens como empanadas, alfajores e choripan para que o público entre no clima do clássico argentino. Estreia 5ª (7). 5ª e 6ª, 20h; sáb. e dom., 15h e 19h30. Parque Villa-Lobos. Av. Queiroz Filho, 1.365, Alto de Pinheiros. R$ 50/R$ 300. Até 28/8. Compre aqui.

A Dama volta aos palcos

Nova versão da peça A Dama do Cerrado, de Mauro Rasi, escrita em 1996, volta aos palcos em adaptação de Tom Dupim e montagem da Cia Kikinico. A história da ex-miss Goiás Leda Florin e seu amigo Fúlvio  traz um retrato atual que dialoga com a realidade político-social do país. Estreia sáb. (2). Sáb, 21h; Dom, 19h. Teatro Commune. R. da Consolação, 1218. Consolação. R$ 80. Até 31/7. Compre aqui.

Nós e eles

Explorando a dinâmica do “Nós” e do “Eles”, o espetáculo de dança A Gente é Sutil, Vocês São Explícitos, de Leandro Souza e Allyson Amaral, cria reflexões sobre diferentes subjetividades e procura instaurar novos imaginários. A ideia do projeto surgiu de uma viagem de Leandro à Alemanha sobre diferentes tipos de dança contemporânea. Hoje (1º) e sáb. (2), 20h30; dom. (3), 18h30. Sesc Pompeia. R. Clélia, 93. Água Branca. R$ 40. Compre aqui.

A Vela

Protagonizada pelos atores  Herson Capri e Leandro Luna, a peça A Vela, escrita por Raphael Gama e com direção de Elias Andreato, narra o encontro de um professor aposentado com seu filho, uma drag queen, após anos de rompimento. Em meio a memórias físicas e emocionais, eles tentam se reconciliar. Estreia hoje (1º). 6ª, 21h; sáb. e dom., 20h. Teatro Uol. Av. Higienópolis, 618, Higienópolis. R$ 70/R$ 100. Até 4/9. Compre seu ingresso.

Férias no teatro

Contando com apresentações de companhias premiadas, como o Grupo Sobrevento e Circo Mínimo, o Festival de Férias traz oito espetáculos infantis com sessões todos os dias da semana. Na programação, a estreia de Os Céus e suas Histórias, peça para bebês e crianças pequenas, além de versões de clássicos como O Pequeno Príncipe e Cinderela. Estreia Hoje (1º). 2ª a 6ª, 16h; sáb., 16h, 17h40; dom., 11h, 16h e 17h40. Teatro UOL. Av. Higienópolis, 618. Higienópolis. R $60/R$150. Até 31/7. Compre aqui.

Disputa familiar

O encontro de dois pais separados e dois filhos solteiros, após o enterro do avô materno, é o mote para a discussão de diferentes conflitos familiares. Com diálogos sutis e cortantes, Clara Carvalho e Norival Rizzo protagonizam a comédia dramática Bata Antes de Entrar, que tem direção de Eduardo Tolentino de Araújo e texto de Paola Prestes. 5ª a sáb., 20h30; dom., 18h30. Teatro Aliança Francesa. Rua General Jardim, 182. Vila Buarque. R$ 50. Até 31/7. Compre aqui.

Sapiens

Em busca de entender o termo derivado do latim “homem sábio” e como ele dialoga com a sociedade atual, o grupo Corpo Molde traz seu novo espetáculo Sapiens . São oito bailarinos em 10 cenas, sendo duas com interpretação em Libras.. Hoje (1) e sáb. (2), 21h; dom. (3), 19h. Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765. Santo Amaro. Grátis (retirar 1 h antes).

Resistência na Guerra

Contando a história do protagonismo feminino durante a Segunda Guerra, o espetáculo No Fim, Viveremos! do Grupo SER de Teatro tem direção de Fernanda Faran. A peça foi escrita para dar visibilidade às mulheres que resistiram ao regime nazista e apontar a existência de personagens negras, pouco referenciadas no período. 6ª e sáb., 20h; dom., 18h. Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 9.555, Alto da Mooca. Grátis (retirar 1 h antes). Até 10/7.

Entre amigas

Quatro mulheres sessentonas com espírito libertário discutem os dilemas do envelhecimento em Meninas Velhas, que tem direção de Tadeu Aguiar e texto de Claudio Tovar. A comédia fala dos fatores que fazem a velhice não chegar, os dilemas dos "novos 60" e outras discussões relacionadas à passagem do tempo. Reestreia hoje (1º). 6ª e sáb., 21h; som., 19h. Teatro São Cristóvão Saúde. R. Capitão Pacheco e Chaves, 313, Mooca. R$ 80. Até 28/8. 

Misoginia em discussão

Adaptado do livro Garotas Mortas, de Selva Almada, a peça homônima discute misoginia e violência de gênero a partir de três feminicídios impunes ocorridos na Argentina dos anos 1980. O espetáculo, assinado pelo coletivo Palabreria, trabalha com uma linguagem audiovisual múltipla como filmes analógicos, imagens de arquivo e curta-metragens. 5ª, 6ª e sáb., 21h; dom., 19h. Teatro Cacilda Becker. R. Tito, 295, Lapa. Grátis (Retirar ingresso 1 h antes). Até 24/7.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Festival das cerejeiras e cultura pop japonesa são destaques no fim de semana

Enquanto uma acontece no bairro da Liberdade, em São Paulo, a outra celebra a cultura oriental em São Roque

Danilo Casaletti e João Scheller, Especial para o Estado

01 de julho de 2022 | 05h00

Depois de dois anos suspenso por conta da pandemia, o festival Sakura Matsuri retorna, em sua 25ª edição, para celebrar a cultura japonesa e o bicentenário da independência brasileira. Apresentações artísticas e culturais, além de praça de alimentação e bazares completam o evento, que tem como atração principal os bosques das cerejeiras floridas. Sáb. (2) e dom (3), e 9 e 10/7, 10h/17h. Parque Bunkyo Kokushikan. Estrada do Carmo, 801, São Roque, São Paulo. Grátis . Mais informações.

Arraiá no shopping

Opções de música e gastronomia marcam os dois finais de semana de Arraiá dos shoppings do Complexo Tatuapé. O evento contará com apresentações de bandas como Jeito Moleque e Peixe Elétrico, além de barracas de comidas típicas e espaço kids. Hoje (1), 18h; Sáb (2) 16h e Dom. (3), 15h. Estacionamento G4 do Metrô Tatuapé e em diferentes andares do Shopping Metrô Boulevard Tatuapé. R. Melo Freire, s/n e R. Gonçalves Crespo. Tatuapé. Grátis.

Exposições

Rubem Valentim

A exposição celebra a vida de Rubem Valentim com cerca de 100 trabalhos do artista, entre pinturas, desenhos e objetos. Além da exposição, na abertura, ocorrerá o lançamento do livro Rubem Valentim (1922-1991) – Sagrada Geometria com textos sobre o artista e sua obra.Inauguração sáb. (2), 11h. Seg. a sex. 10h/18h; Sáb. 10h/16h. Pinakotheke. Rua Ministro Nelson Hungria, 200,  Morumbi. Grátis. Até 30/7.

Novos ângulos

O fotógrafo Penna Prearo faz um trabalho de experimentação em Labirintos Revisitados, um conjunto de 49 imagens que reconfiguram os objetos fotografados através do tratamento digital. As narrativas trabalham com elementos de fábulas, ao utilizar recursos como granulação e espelhamentos. 3ª a 6ª, 9h/20h; sáb., 10h/20h; dom., 10h/18h. Sesc Bom Retiro. Al. Nothmann, 185, Bom Retiro. Grátis. Até 16/10.

Cultura pop japonesa

O acervo da Sato Company, com itens relacionados à influência da cultura pop japonesa no Brasil, traz edições raras de mangás, capacetes originais da série Cybercop e action figures originais de personagens como Jaspion. 3ª a dom., 13h/17h. Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil. R. São Joaquim, 381, Liberdade. R$ 16.

Cinema

Deus e o Diabo em 4K

Cópia restaurada da obra prima do cinema nacional, Deus e o Diabo na Terra do Sol, de Glauber Rocha, será exibida pela primeira vez publicamente na mostra Espetáculo Polêmica Cultura, que ocorre até o dia 10 de julho na Cinemateca Brasileira. 4ª (6), 21h. Área externa da Cinemateca. Largo Senador Raul Cardoso, 207. Vila Mariana. Grátis.

Tudo o que sabemos sobre:
SescSão Roque [SP]cinemamuseu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Seis opções para curtir as férias com as crianças em SP

Entre as novidades está a Bienal do Livro, repleta de oficinas para os pequenos, e reabertura da visitação no Instituto Butantan

Vanessa W. Skilnik, www.bora.ai

01 de julho de 2022 | 05h00

As férias já começaram - e a programação para divertir a garotada também. Entre as novidades está a reabertura de visitação no Instituto Butantan e a inauguração da Bienal do Livro neste fim de semana. Para mais opções, acesse www.bora.ai.

Sesc Avenida Paulista

A unidade do Sesc na Avenida Paulista preparou diversas atividades para crianças, adolescentes e toda a família aproveitarem as férias do mês de julho em São Paulo. Na primeira semana, a dica é o espetáculo musical Pequena Orquestra Interativa com a Companhia Poin. A programação continua com diferentes atividades ao longo do mês.

De 2 a 10 de julho, sábados e domingos, às 11h, R$ 25/inteira.

Já as crianças a partir de 6 anos também podem aproveitar as oficinas de massinhas, que ocorrem sempre aos domingos, de 3 a 24 de julho.

Domingos, às 15h, 16h e 17h. Grátis. Entrega de ingressos no local com 30 minutos de antecedência. Gratuita.

Sesc Bom Retiro

O Sesc Bom Retiro preparou para as férias uma programação com circo, cinema, teatro e oficinas inspiradas nas obras de Tarsila do Amaral para crianças até 6 anos. As atividades ocorrem durante todo o mês. As sessões de cinema serão sempre aos sábados, às 12h. Já as oficinas, para as crianças pequenas, serão às sextas, das 14h às 15h30. Todas as atividades acima são gratuitas e a programação continua nos próximos fins de semana, com atrações diferentes.

Concerto infantil da Série Tucca Aprendiz de Maestro 

Com um espetáculo diferente por mês, o projeto do Tucca é uma oportunidade única para levar as crianças para a Sala São Paulo e proporcionar o primeiro contato com a música clássica. O espetáculo de julho é o Arraial do Maestro, uma viagem ao universo das quadrilhas de festas juninas e conta a história da celebração, que teve início dentro das cortes dos reis. O repertório contagiante e abrangente passa por sucessos das festas juninas tradicionais e grandes artistas nacionais, como Luiz Gonzaga e Lamartine Babo.

Na apresentação uma galinha festeira provoca ciúmes na sua amiga, que é ajudada por outra amiga a tornar-se uma verdadeira marquesa, com direito a uma festança no Arraial do Maestro. Escrito e dirigido por Paulo Rogério Lopes, o espetáculo é acompanhado pela Sinfoneta Tucca Fortíssima, que terá à frente a regência e direção musical do maestro João Maurício Galindo, regente da Orquestra Brasil Jazz Sinfônica do Estado de São Paulo. 

Sala São Paulo. 2 de julho (sábado), 11h. 3 anos. 60 minutos. Ingressos: A partir de R$ 50

 

Tiquequê com o show Todo Dia

A dupla Diana Tatit e Wem, do Tiquequê, é sucesso garantido com seus espetáculos que misturam música, dança e percussão corporal. No show Todo Dia, o repertório trata das situações do dia a dia que mexem com o imaginário, como Acorda, Tem Comida Boa, Bichos Nojentos, Festa na Floresta e Praia. O ritmo garante participação ativa das crianças.

Sesc Vila Mariana. 1º a 3 de julho; sexta às 15h, Sábado e domingo, às 16h. R$ 24 (inteira). Livre.

 

26º Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Visitar a Bienal é uma oportunidade para familiarizar as crianças com o mundo da literatura e conferir os trabalhos e lançamentos de literatura infantil. Durante a visita, você aproveita a ampla programação para o público infanto-juvenil. Um espaço foi projetado exclusivamente para receber atividades educativas, com oficinas temáticas, narração de histórias e atividades que envolvam as crianças com suas famílias.

O espaço homenageia Portugal com brincadeiras típicas da cultura portuguesa, como o Jogo do Galo - Jogo da Velha no Brasil -, além de receber convidados para debates e atividades sobre consciência ambiental, tolerância entre outros.

Os personagens da Turma da Mônica marcarão presença para fotos, assim como Greg Heffley, personagem de Diário de um Banana no estande da VR Editora. No estande da Companhia das Letras, haverá a banheira instagramável do Pum, o cachorro caramelo que apronta todas na série de livros.

Expo Center Norte. 2 a 10 de julho. Segunda a sexta-feira, das 9h às 22h. Entrada no evento até as 21h. Sábados e domingos, das 10h às 22h. Dias 2, 3 e 9 até 21h. Dia 10/7, entrada até as 19h. Valor do Ingresso (para qualquer dia do evento, visita única) R$ 30. 

Instituto Butantan

Depois de 2 anos fechado, o Parque da Ciência Butantan reabriu dia 25 com muitas novidades. São 20 atrações ambientais, educativas e de lazer dentro de uma área verde com 725 mil metros quadrados. Visite o Museu Biológico (com animais vivos como serpentes, aranhas e escorpiões), o Microbiológico (com vários microscópios e curiosidades sobre vírus e bactérias), o Macacário, o Serpentário, o Reptiliário. Com tantos atrativos, o local é um destino que vai além de um centro de pesquisa biológica, proporcionando um programa divertido para a família toda, com direito a passeios e caminhadas e muito contato com a natureza.

O parque abre diariamente, das 7h às 17h, com entrada gratuita. Os museus abrem de terça-feira a domingo, com ingresso a R$ 6 (um ingresso dá direito a entrar em todos os museus). Obrigatório o uso de máscara em ambientes fechados e a apresentação do comprovante de vacinação contra a covid-19 na entrada dos museus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.