Museu Nacional não conta com verba para segurança

O diretor do Museu Nacional da Quinta da Boa Vista, Sérgio Alex de Azevedo, disse hoje que não sabe quando serão liberados os R$ 760 mil prometidos na última sexta-feira pelo Ministério da Educação para melhorar o sistema de segurança da instituição. Na semana passada, constatou-se que 24 in-fólios (livros antigos grandes e pesados) foram roubados da sua Biblioteca. "Sequer posso garantir se este dinheiro chegará, tantos são os entraves e exigências burocráticas. E não se trata sequer de falta de vontade política e sim de ausência de uma estrutura nos serviço público para cumprir as exigências da legislação", comentou o diretor.Azevedo lembrou que desde o ano passado determinou-se a criação de uma comissão com representantes dos Ministérios da Educação (ao qual o museu da Quinta da Boa Vista está subordinado); Cultura; Ciência e Tecnologia; Turismo e Meio-Ambiente, mas este grupo não teve todos os membros nomeados e ainda não se reuniu. Azevedo participa da cerimônia de lançamento do Sistema Nacional de Museus criado pelo Ministério da Cultura. O ministro Gilberto Gil está presente ao encontro, mas Azevedo não tem nenhuma reunião agendada com ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.