Museu de Londres expõe figurinos de Kylie Minogue

Kylie Minogue estava em exposição na terça-feira quando um dos mais veneráveis museus da Grã-Bretanha abriu a primeira mostra de sua história dedicada a uma pop star.Os corpetes enfeitados de paetês cor-de-rosa e os modelitos de estampa de leopardo da diva pop australiana estão expostos nos salões solenes do museu Victoria & Albert, cujo recorde de compra antecipada de ingressos já foi quebrado por Kylie Minogue.A exposição, que traz vestidos luxuosos e chapéus esdrúxulos usados pela cantora em suas nove turnês, foi idealizada e projetada pelo Centro de Artes de Melbourne, a cidade natal da artista de 38 anos.Um dos objetos-ícone expostos é o macacão que ela usou em 1988 no papel de Charlene na telenovela australiana Neighbours, que primeiro a levou ao estrelato. Também estão expostos os shorts de lamê dourados que Kylie vestiu durante um videoclipe de seu single de 2000 "Spinning Around."A mostra vem coroar dois anos tumultuados para Kylie, que em 2005 foi obrigada a abandonar uma turnê mundial ao receber o diagnóstico de que sofria de câncer de mama. Em maio daquele ano ela foi submetida a uma cirurgia bem sucedida em Melbourne, seguida por quimioterapia em Paris, onde seu namorado na época, o ator francês Oliver Martinez, tem uma casa. No último fim de semana o casal anunciou o fim de seu romance de quatro anos, insistindo que a separação é "amigável e por vontade mútua."A mostraA chefe de exposições do museu, Vicky Broackes, elogiou a resistência da cantora premiada com o Grammy, uma figura camaleônica do pop que constantemente reinventa sua imagem, dentro de um setor volátil e que se transforma constantemente."Kylie é a única pop star, com a exceção de Madonna, a ter sucessos número 1 nos anos 1980, 1990 e 2000", disse Vicky à Reuters na inauguração da mostra para a imprensa."Ela tem uma imagem que muda constantemente, não se importa em assumir riscos e não se leva demasiado a sério", contou Vicky.Kylie Minogue vai ver a exposição pela primeira vez quando a inaugurar oficialmente, na noite desta terça-feira.Vicky defendeu a decisão de fazer a exposição em um museu mais conhecido por suas exposições de obras de Leonardo Da Vinci e arte modernista. "O V&A já fez muitas exposições de cultura, moda e design contemporâneos", disse ela. "Esta mostra une essas três coisas."Numa grande declaração mostrada na entrada da mostra, Kylie homenageia seus pais, que seguiram sua filha nas turnês, recolhendo seus figurinos brilhantes do chão dos camarins após as apresentações."Se não fosse por meus pais, esta mostra teria o tamanho de uma mala, em lugar do lugar que está ocupando", disse ela.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.