Mulher presa por beijar tela em museu de arte francês

Obra de Cy Twombly, avaliada em US$ 2 milhões, consiste de uma tela em branco

Associated Press,

21 de julho de 2007 | 15h45

Uma mulher foi formalmente acusada de "dano a obra de arte" por beijar uma obra do artista Cy Twonbly, que consiste de tela em branco, informam fontes do sistema judiciário francês.   A mulher foi presa depois de , supostamente, beijar o trabalho na quinta-feira, manchando-o com seu batom. Ela deverá ir a julgamento em 16 de agosto.   A pintura, estimada em US$ 2 milhões (cerca de R$ 4 milhões) estava em exibição no Museu de Arte Contemporânea da cidade francesa de Avignon.   Nascido em 1928, nos EUA, Twonbly recebeu o prestigioso prêmio Leão de Ouro na Bienal de Veneza de 2001.

Tudo o que sabemos sobre:
twomblybeijo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.