Mulher é presa por invadir casa de jurado da TV em Londres

Uma mulher acusada de invadir a casa do jurado televisivo Simon Cowell empunhando um tijolo quebrado compareceu na segunda-feira a um tribunal que decidiu mantê-la detida, enquanto aguarda uma próxima audiência, em 12 de junho.

REUTERS

26 de março de 2012 | 11h19

Leanne Zaloumis, 29 anos, foi indiciada na Corte dos Magistrados do Oeste de Londres por ter invadido o domicílio do magnata musical na noite de segunda-feira. Ela teria quebrado uma vidraça do banheiro dele e se escondido em um armário.

Segundo a agência Press Association, o indiciamento afirma que Zaloumis pretendia "infligir uma grave lesão corporal" com o auxílio de um pedaço de tijolo.

O promotor Paul Mitchell disse que a mulher foi detida por policiais armados, chamados por um funcionário da casa. Depois de detê-la, os policiais encontraram marcas de sangue no banheiro.

Cowell, 52 anos, ficou famoso como jurado do programa de calouros "X Factor". Um porta-voz disse que ele ouviu um ruído forte na noite de sábado e encontrou a mulher no banheiro, segurando um tijolo.

(Reportagem de Michael Holden and Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEINGLATERRACOWELLINVASAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.