MPBA maior de todas, mesmo quando desafina

GAL COSTA

O Estado de S.Paulo

16 de março de 2013 | 02h12

RECANTO AO VIVO

Universal

Preço: R$ 32

BOM

Quando surge a voz grave, encorpada, os olhares da plateia procuram por alguém que parece não estar ali. É um timbre gordo, cheio, de um homem que canta de algum ponto que não se vê. Mais um pouco e vem o susto. O homem é Gal Costa (foto). Este é só um dos momentos de seu show Recanto, que agora sai em DVD. E a voz masculina que ela imita com graves que a idade lhe deu é de Tim Maia durante sua execução de Um Dia de Domingo. Gal fez um dos melhores shows do ano sobre as asas de Caetano Veloso, que resolveu reinventá-la. Seu disco traz as canções de Recanto, o disco de estúdio, mas também uma série de músicas que ela resolveu incluir em seu repertório ao vivo, como Força Estranha, Meu Bem, Meu Mal, Baby e a própria Um Dia de Domingo. Em alguns shows de São Paulo, Gal desafinou e levantou discussões. Neste documento obrigatório aos fãs, a prova definitiva de que, ainda que desafinada, Gal continua sendo a maior cantora do Brasil. / JULIO MARIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.