Mostra,Gal e Madredeus de graça no Ibirapuera

Motivos para passar o domingo no Parque do Ibirapuera o paulistano já tem, agora é só torcer para que o tempo não atrapalhe. Segundo a meteorologia, uma massa de ar tropical pode provocar frio na cidade.Mas vale a pena se aventurar: além de conferir o último dia da Mostra do Redescobrimento, os visitantes com espírito bandeirante ainda podem assistir às apresentações da cantora Gal Costa e do grupo português Madredeus, tudo de graça. Para os que pretendem visitar a Mostra do Redescobrimento antes do show, a dica é chegar cedo, por volta das 9 h, já que as filas estão quilométricas.As 15 mil obras de arte, que englobam desde a pré-história até os dias atuais, estão divididas em três pavilhões: o da Bienal, a Oca e o pavilhão Manoel da Nóbrega, que abriga a célebre carta de Pero Vaz de Caminha.No prédio da Bienal encontram-se, entre outros, os módulos do Barroco, da Arte Moderna e Contemporânea, além do Olhar Distante, com obras de artistas estrangeiros sobre o Brasil. A Oca, um dos pavilhões mais concorridos, abriga os módulos de Arte Indígena, da Primeira Descoberta da América e da Arqueologia.Anteontem, a Mostra, inaugurada no dia 25 de abril, já havia atingido a expectativa dos organizadores, superando a marca de 1,7 milhão de visitantes, com média de mais de 40 mil pessoas por dia.A partir de outubro, algumas das milhares de obras da exposição irão percorrer o País, passando por Brasília, Rio, Bahia, Pernambuco e Maranhão, além de 30 museus na Europa, América e Ásia.Gal Costa e MadredeusNo sexto show da série Pão Music 2000, que une artistas brasileiros e portugueses em comemoração aos 500 anos do Descobrimento, o grupo Madredeus, que mistura música erudita com canções populares portuguesas, abre hoje, às 16h, sua apresentação com um apanhado da carreira.O último CD lançado pelo grupo, Antologia, reúne músicas de seus discos anteriores, mas, segundo o violonista e fundador do Madredeus, Pedro Ayres, não se trata de um best of.?Colocamos algumas canções que são experiências, não são tão conhecidas do público?, adianta Ayres. A apresentação do grupo ainda deve contar com algumas músicas inéditas de um novo CD gravado em janeiro, Movimento, mas que só deve ser lançado no início de 2001.O show com Gal será o segundo encontro do Madredeus com uma cantora brasileira. No ano passado, eles tocaram com Leila Pinheiro em algumas cidades do interior. ?Gosto muito da voz da Gal, ela canta com muita graça, é uma voz que sempre me prende?, elogia Ayres. Para Gal, o encontro com o grupo será como uma volta às raízes, já que seu avô era português.A cantora fará uma apresentação baseada em seu último CD, Gal Canta Tom Jobim, trabalho de 1999 só com músicas do compositor. Ela ainda divide o palco com os portugueses em três canções: Menininha do Gantois e Samba da Minha Terra, de Dorival Caymmi, e Oxalá, do Madredeus. Em sua apresentação solo, o público vai ouvir músicas como Garota de Ipanema, Desafinado e Chega de Saudade.Mostra do Redescobrimento - Brasil + 500 - Parque do Ibirapuera (Av. Pedro Álvares Cabral, s/n.º, tel.: 0800-780500). Último dia, das 9 h às 22 h. Entrada franca.Pão Music 2000, com Gal Costa e Madredeus - Parque do Ibirapuera, Praça da Paz (Av. República do Líbano, portão 8). A partir das 16 h. Entrada franca.

Agencia Estado,

09 de setembro de 2000 | 22h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.