Mostra da China é prorrogada até 8 de junho

A mostra Guerreiros de Xi´an e os Tesouros da Cidade Proibida foi prorrogada por mais 20 dias. A mostra que tinha encerramento marcado para o dia 18 permanecerá aberta até o dia 8 de junho. Segundo a assessoria de imprensa da BrasilConnects, a medida foi tomada em função da visitação recorde de meio milhão de pessoas em menos de três meses, horários de visita escolar praticamente esgotados e filas de duas horas em frente à Oca. A prorrogação do prazo foi resultado das negociações entre a BrasilConnects e os museus chineses Imperial Palace Museum (Museu do Palácio Imperial), Shaanxi History Museum  (Museu Histórico de Shaanxi) e Terracota Army Museum of Qinshihuang (Museu Militar de Terracota de Qinshihuang). É a primeira vez que uma exposição chinesa deste porte, realizada fora da Cidade Proibida, precisa ser prolongada em função do apelo popular.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.