Mostra conta com humor os 500 anos de desvios

Insatisfeitos com a corrupção administrativa no País, os fiscais do serviço público resolveram fazer mais do que fiscalizar. E organizaram, entre outras coisas, o concurso de cartuns que selecionou 20 trabalhos entre 304 inscritos. Trata-se do 2.º Salão Nacional de Humor (Sobre a Fiscalização dos Gastos Públicos).O resultado dessa blitz do humor contra a farra da corrupção é a exposição Brasil de Cabral ao Ano 2000 - Traçando os 500 Anos de Desvios, aberta hoje no Espaço Cultural Conjunto Nacional (Avenida Paulista, 2.073, piso térreo). Os organizadores são da União Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controle (Unacon), entidade que representa os servidores responsáveis por auditorias, controle e fiscalização do Ministério da Fazenda."A exposição de desenhos de humor sobre os 500 Anos de Desvios relaciona o desvio da rota da esquadra de Cabral, na história do descobrimento do Brasil, com a grave situação nacional de escândalos originados na manipulação de recursos públicos em favor de grupos e pessoas, frutos de desvios éticos", diz o texto de apresentação da exposição.A comissão que selecionou os trabalhos contou com os cartunistas Paulo e Chico Caruso, Jaguar e o jornalista Alexandre Garcia, da TV Globo. O primeiro lugar do concurso ficou com Dálcio Machado, de São Paulo. Em segundo, apareceu Cláudio Antonio Gomes (o Cau Gomes), baiano. E o terceiro lugar foi para Marcos de Souza, o Quinho, de Minas Gerais."Nós que vivemos de caçoar dos desvios e desmandos do poder, cada vez que aportamos em Brasília nos deparamos com um estranho sentimento: é como se estivéssemos entrando dentro de nossas próprias piadas", disseram os irmãos Paulo e Chico Caruso durante a abertura do 2.º Salão Nacional de Humor sobre a Fiscalização de Gastos Públicos.A exposição já esteve em diversas capitais brasileiras e foi aberta em São Paulo com um debate, na quinta, sobre o tema O Papel dos Agentes Públicos e dos Cidadãos nos Sistemas de Controle dos Gastos na Administração Pública. A exposição segue até o dia 29 deste mês.500 Anos de Desvios. Mostra de humor. Espaço Cultural Conjunto Nacional (Avenida Paulista, 2.073). Até dia 29.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.