Morre Oscar Peterson, ícone do jazz, aos 82 anos

Oscar Peterson, que por décadas foi oprincipal pianista de jazz do mundo, com o seu swing, ótimatécnica e solos velozes, morreu neste domingo de falência dosrins, segundo mídia canadense. Ele tinha 82 anos. Oscar Peterson cresceu numa família pobre de Montreal. Oseu pai deixou ele seguir a carreira de músico somente se ofilho prometesse ser o melhor. O pianista tornou-se uma dasprincipais influências para gerações de músicos. Ele despontou para o estrelato com uma perfomance famosa,no Carnegie Hall, em Nova York, em 1949. Peterson ganhou oGrammy em 1997, pelo conjunto da sua carreira, e o prêmio doHall da Fama do Jazz. Peterson foi o primeiro canadense vivo retratado num selo. (Reportagem de Jeffrey Jones)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.