Morre o regente Rudolf BARSHAI

MEMÓRIA-2

AP, O Estado de S.Paulo

05 de novembro de 2010 | 00h00

Morreu na última terça-feira, na Suíça, o diretor de orquestra de origem russa Rudolf Barshai, aos 86 anos. O anúncio foi feito ontem pela agência que o representava em Londres. Barshai, que também era regente e reconhecido solista na viola, trabalhou durante longo período para terminar de arranjar a obra A Arte da Fuga, de Bach. Em 2005, ele foi nomeado diretor emérito da Orquestra Sinfônica Giuseppe Verdi, de Milão. Anteontem, também morreu Gerog Straka, contrabaixista da Filarmônica de Viena. Ele tinha 41 anos e se acidentou quando tentava escalar o Monte Fuji, no Japão, país no qual a orquestra realiza atualmente uma turnê.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.