Morre o mestre Doc Watson

O músico de folk Doc Watson, cujas ágeis palhetadas e sonoridade regional influenciaram guitarristas de todos os cantos do mundo, morreu terça-feira, em um hospital da Carolina do Norte. Vencedor de oito Prêmios Grammy, Watson tinha 89 anos e era cego desde o primeiro ano de vida. Sua música ajudou a colocar a guitarra em primeiro plano, em gravações folk dos anos 195o, época em que o instrumento ainda tinha função coadjuvante, atrás da rabeca, do mandolim e do banjo. A velocidade de Watson intimidava até mesmo os grandes. "Um velho e antigo guerreiro foi para casa", disse o cantor Ricky Skaggs, na terça-feira. / AP

O Estado de S.Paulo

31 Maio 2012 | 03h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.