Morre o escritor mexicano Juan José Arreola

Morreu ontem à noite, em Guadalajara, aos 83 anos, o escritor mexicano Juan José Arreola. Conforme seu filho Orso, o autor de Confabulário Total sucumbiu à hidrocefalia, doença contra a qual vinha lutando desde 1998. Autodidata, sem sequer completar o primário, Arreola teve 16 livros publicados ao longo de sua carreira. Tornou-se uma das principais referências da literatura mexicana, conquistando em 1976 o Prêmio Nacional de Literatura e em 1992 o Prêmio Juan Rulfo de Literatura Latino-americano e do Caribe. Ao lado de Jorge Luis Borges, Julio Cortázar e Juan Rulfo, Arreola é considerado um dos maiores contistas latino-americanos do século 20.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.