Morre o cineasta Alain Corneau

MEMÓRIA

EFE, O Estado de S.Paulo

31 de agosto de 2010 | 00h00

O cineasta francês Alain Corneau, diretor de Forte Saganne e Noturno Indiano, morreu na noite de anteontem aos 67 anos, em Paris, em decorrência de um câncer. A informação foi divulgada ontem pela Artmedia, representante do artista. Corneau, admirador do cinema americano, também era produtor e roteirista. Em 1992, Todas as Manhãs do Mundo, que relata a história de um intérprete de viola no século 17, ganhou o César, o Oscar do cinema francês, de melhor filme. Ao longo de sua carreira, o cineasta dirigiu atores como Gérard Depardieu, Yves Montand, Jacques Dutronc, Michel Blanc, Daniel Auteuil e Monica Bellucci.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.