Morre no Rio o ator Rogério Cardoso

O ator Rogério Cardoso morreu hoje no Rio de Janeiro, aos 66 anos. Ele sofreu um enfarte às 7 horas em seu apartamento, em Copacabana.O corpo será velado hoje à tarde no Câmara Municipal, e enterrado amanhã na cidade natal do ator, Mococa, no interior paulista. Seu filho Rogério, de 39 anos, contou que o comediante estava bem e que a morte foi uma surpresa. "Ele sofria de problemas no coração, mas estava controlado, sob cuidados médicos", disse.Rogério Cardoso começou sua carreira no rádio, nos anos 50. Passou então ao palco e, na década de 60, chegou à TV. Sua carreira foi marcada pelos muitos tipos cômicos que encarnou, como o Rolando Lero da Escolinha do Professor Raimundo e o Salgadinho de Explode Coração.Atualmente, fazia o Seu Flor, do seriado A Grande Família, e dividia um quadro com a amiga Nair Belo em Zorra Total, no papel de Epitáfio. Além dos seriados e novelas, fez também minisséries e filmes, como O Auto da Compadecida, Boleiros e Hilda Furacão.

Agencia Estado,

24 de julho de 2003 | 09h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.