MORRE JAZZMAN KENNY BALL

O trompetista britânico Kenny Ball, expoente da onda de jazz tradicional que surgiu no Reino Unido, nos anos 60, morreu terça-feira, aos 82 anos. Ball liderou uma das três bandas mais famosas da época, dividindo os holofotes com os grupos dos músicos Acker Bilk e Chris Barber. Durante os anos 60, fez turnê com Louis Armstrong e seu disco Moonlight in Moscow, de 1962, foi um sucesso tanto em seu país quanto nos Estados Unidos, um feito histórico na era pré-Beatles. Mais de um milhão de cópias do disco foram vendidas. O trompetista também ficou conhecido por tocar no casamento do príncipe Charles e Diana. / EFE

O Estado de S.Paulo

08 de março de 2013 | 02h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.