Morre Elizabeth Edwards, mulher de político dos EUA e autora

Elizabeth Edwards, autora de best-sellers e esposa do ex-candidato a vice-presidente pelo Partido Democrata John Edwards, que resistiu a revelações sobre a infidelidade do marido, morreu na terça-feira aos 61 anos.

REUTERS

07 Dezembro 2010 | 21h27

Elizabeth morreu de câncer em sua casa nesta manhã, em Chapel Hill, Carolina do Norte, junto de sua família.

"Hoje perdemos o conforto da presença de Elizabeth, mas ela continua sendo o coração desta família", disse a família em comunicado.

Ela foi diagnosticada com câncer de mama em 2004, e o tratou. Em 2007, o câncer voltou e se espalhou para outras partes de seu corpo.

Elizabeth escreveu dois livros que foram best-sellers, "Resilience" e "Saving Graces", sobre sua longa batalha contra o câncer e a respeito do escândalo envolvendo seu marido, um importante advogado que foi senador dos Estados Unido pela Carolina do Norte.

Elizabeth Edwards e o marido anunciaram em janeiro de 2010 que haviam se separado após 32 anos de casamento. A separação aconteceu menos de uma semana depois que John Edwards admitiu ser pai de um bebê com uma assistente de campanha. A menina tinha dois anos quando ele tomou conhecimento que era seu pai.

Mais conteúdo sobre:
GENTEELIZABETHMORRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.