Morre atriz de família Soprano

MEMÓRIA

EFE, O Estado de S.Paulo

01 de novembro de 2010 | 00h00

A atriz Denise Borino-Quinn, que atuou no seriado Família Soprano, morreu na última quarta-feira, em Nova Jersey. Ela tinha 46 anos e lutava há tempos contra um câncer no fígado. Borino-Quinn, cujo marido havia falecido em março deste ano, ficou famosa por interpretar a personagem Ginny Sacramoni. Ontem também faleceu o escritor holandês Harry Mulisch, aos 83 anos. A informação foi divulgada pela Radio Netherlands. Sua obra mais conhecida é O Atentado, de 1982, traduzida para 25 idiomas. Mulisch era considerado um dos grandes narradores das histórias da Segunda Guerra Mundial e as causas de sua morte não foram reveladas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.