Morre aos 80 anos o saxofonista Boots Randolph

Um dos maiores músicos de estúdio, colaborou com Elvis e Johnny Cash

Agencia Estado

06 de julho de 2007 | 16h27

O saxofonista Boots Randolph, conhecido como compositor do tema principal da série de humor britânica The Benny Hill Show, e que colaborou com artistas como Elvis Presley e Johnny Cash, morreu nesta terça-feira, 3, aos 80 anos, de hemorragia cerebral.O artista, considerado um dos maiores músicos de estúdio dos Estados Unidos, foi hospitalizado após uma hemorragia cerebral que sofreu no dia 25 de junho. Ele ficou em coma até a morte, informou sua agente e porta-voz de sua família, Betty Hofer.Randolph, nascido em Paducah (Kentucky, EUA), era muito mais que um saxofonista para Nashville, cidade onde vivia desde 1961 e na qual tocou em vários clubes noturnos durante mais de 30 anos. Era considerado um ícone musical e turístico, como Wayne Newton, em Las Vegas, e Pete Fountain, em Nova Orleans.Boots tocou com Chet Atkins e Floyd Kramer, gravando mais de 40 álbuns e viajando durante mais de 15 anos com o Festival of Music.Como músico de estúdio, tocou na gravação de temas como Return To Sender, de Elvis Presley; Oh Pretty Woman, de Roy Orbison; e Rockin´ Round the Christmas Tree, de Brenda Lee. Outros artistas de renome com quem trabalhou foram Johnny Cash e Buddy Holly.O salto para a fama veio em 1963, quando compôs e gravou o tema Yakety Sax, inspirado no solo de saxofone de King Curtis para Yakety Yak, de 1958. O sucesso se tornou a trilha da série humorística britânica The Benny Hill Show.Outros temas conhecidos do artista são Hey Mr. Sax Man, de 1964, e Temptation, de 1967.Ele definia a si mesmo como o único saxofonista rústico do mundo. No entanto, foi o estilo rural que garantiu o seu destaque entre os músicos de sua época.Homer Louis Randolph, ou Boots, como era chamado popularmente, começou a tocar o saxofone na escola. Entrou para o Exército e tocou na banda marcial durante a 2.ª Guerra Mundial.Posteriormente trabalhou em clubes noturnos de Indiana e Illinois até assinar com a RCA e ser contratado como músico de estúdio, em 1958.Randolph abriu seu próprio clube noturno em Nashville, que comandou durante 17 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.