Tasso Marcelo/Estadão
Tasso Marcelo/Estadão

Morre aos 78 anos o diretor de carnaval Laíla, vítima da covid-19

Após mais de meio século de carreira, Laíla passou por agremiações como Beija-Flor de Nilópolis, Salgueiro, Vila Isabel e Unidos da Tijuca

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de junho de 2021 | 19h09

O diretor de carnaval Laíla, como era conhecido Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, morreu aos 78 anos nesta sexta-feira, 18, vítima das complicações da covid-19

Laíla já havia tomado a primeira dose da vacina contra a covid-19 em março, estava internado no Hospital Israelita Albert Sabin após se infectar pelo novo coronavírus, onde sofreu uma parada cardíaca às 11h30.

Laíla, que passou por agremiações como Beija-Flor de Nilópolis, Salgueiro, Vila Isabel e Unidos da Tijuca, atuava no carnaval carioca há mais de 50 anos. Seu último desfile foi defendendo as cores da União da Ilha, que acabou rebaixada para o grupo de acesso em 2020.

Tudo o que sabemos sobre:
carnavalcoronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.