Morre, aos 71 anos, a atriz argentina Norma Pons

Última aparição foi na segunda-feira na reestreia de um programa de televisão local

EFE

30 de abril de 2014 | 09h19

A atriz argentina Norma Pons morreu nesta terça-feira, 29, aos 71 anos, em em sua casa em Buenos Aires, segundo declarações de familiares.

A última aparição da atriz veterana foi na segunda-feira na reestreia de um programa de televisão local, onde também participou do concurso Dancing for a Dream. Além disso, Norma Pons estava atualmente encenando a A Casa de Bernarda Alba, de Federico Garcia Lorca, no teatro Regina de Buenos Aires.

Natural da cidade de Rosário, a atriz estrelou nos anos 1960 diversos musicais mostra e inúmeros espetáculos na capital da Argentina com sua irmã Mimi Pons , com quem dividiu a cena em vários filmes.

Na década de 1980, sua carreira no cinema foi intensa, participando de filmes como Fim de Semana e A Mulher Invisível, de Noel Coward.

Em 1996, recebeu o Prêmio Martin Fierro, o maior do rádio e televisão da Argentina, como melhor atriz cômica. Também foi reconhecida pelo Prêmio Codor de Prata, como melhor atriz por sua interpretação no filme Sotto voce.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.