Morre aos 69 Suzy Parker, avó das top models

Suzy Parker, top model pioneira dos anos 50, morreu no sábado, aos 69 anos, em sua casa em Montecito, Califórnia. Conhecida por sua vasta cabeleira vermelha e o porte esguio, Suzy foi a modelo preferida de Coco Chanel e fotografada pelos grandes fotógrafos de moda, como Richard Avedon e Milton H. Greene.Greene, por sinal, chegou a declarar que a modelo redefinia o conceito de elegância. Para Eleanor Dwight, Suzy foi "a" modelo da década de 50. Naqueles anos, uma supermodel como Suzy faturava meros US$ 200 por hora. Hoje em dia, o cachê de uma grande modelo passa de US$ 50 mil por desfile.Como as modelos de hoje, Suzy também passou das passarelas aos cinemas. Estreou em grande estilo no musical Cinderela em Paris, contracenando com Fred Astaire e Audrey Hepburn. Vieram depois papéis secundários em O Beijo da Despedida, com Cary Grant, e A Casa das Amarguras, com Gary Cooper.Suzy foi casada três vezes, a último delas com o ator Bradford Dillman, que conheceu em Hollywood. Com ele, deixou os holofotes no final dos anos 60 para viver em Montecito. Além do viúvo, Suzy deixa quatro filhos e dois netos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.