Morre a mãe de Chico Buarque

Maria Amélia Buarque de Holanda tinha 100 anos de idade e morreu de causas naturais

Fabiana Marchezi - estadão.com.br

06 de maio de 2010 | 11h39

Maria Amélia ao lado do filho e do presidente Lula em seu aniversário.  Foto: Divulgação  

 

SÃO PAULO - Morreu na madrugada desta quinta-feira, 6, aos 100 anos, Maria Amélia Buarque de Holanda, mãe do cantor Chico Buarque, segundo informou a assessoria de imprensa do cantor.

Memélia, como era conhecida, faleceu de causas naturais em seu apartamento, em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. Por enquanto, o cantor não vai falar sobre a morte da mãe. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro.

No último mês de janeiro, Memélia comemorou seu centésimo aniversário ao lado de sete filhos, 13 netos e 12 bisnetos. Também participaram da festa o presidente Lula e o arquiteto Oscar Niemeyer.

 

Maria Amélia era viúva do historiador Sérgio Buarque de Holanda, autor de dezenas de livros, entre eles o clássico Raízes do Brasil. Publicada originalmente em 1936, a obra traça um panorama da formação da sociedade brasileira, na qual analisa sua classificação do brasileiro como 'um homem cordial'. Sérgio Buarque de Holanda foi também um dos fundadores do Partido Trabalhista, o PT.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.