Morre a cantora de jazz Rita Reys

A cantora holandesa de jazz Rita Reys morreu na noite do sábado, aos 88 anos, segundo informação do diário Dutchnews. A causa da morte não foi divulgada. Consagrada no início dos anos 1960 como "primeira-dama do jazz europeu" no festival de Juan-Les-Pins (França), ela cantou ao lado de lenda do gênero, como Dizzy Gillespie, Art Blakey e Johnny Griffin. Ela se tornou internacional em 1956, quando gravou, em Nova York, o álbum The Cool Voice. / EFE

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2013 | 02h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.