Momento histórico

Marte e Plutão em quadratura; Lua Vazia a partir das 9h06

Quiroga, oscar.quiroga@estadao.com.br, O Estado de S.Paulo

11 Abril 2011 | 00h00

Difícil, quase impossível avaliar o momento histórico enquanto este acontece, por isso as sensações estranhas que nos invadem a todo momento nesta época. As próximas gerações darão um nome ao que nós experimentamos do lado de dentro, no epicentro dos acontecimentos mundiais. O mundo nunca mais será como antes, será que é a isso que se refere o famoso fim do mundo? É propício, então, meditar a todo momento a respeito do que seja esse mundo. Nós, humanos, entidades criativas cósmicas, irradiamos o reflexo de nossas mentes e este se converte em realidade, o que chamamos de mundo. Como nossas mentes mudaram irreversivelmente, o mundo também acompanha a transformação. Daí que a verdadeira e absoluta revolução seja íntima.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Esses espíritos de porco que surgem para criticar e julgar duramente a atuação dos outros devem ser tratados com compaixão, evitando envolver-se na polêmica que os faria parecer mais valiosos do que realmente são.

TOURO 21-4 a 20-5

E você pensou que já tinha visto tudo e conhecia tudo que a alma humana poderia produzir entre o céu e a Terra! Nada disso! Ainda ocorrem situações que desafiam o seu conhecimento e colocam os seus pés em outro caminho.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Para entrar num novo círculo social você deve abandonar o antigo, pois de outra forma sua alma ficaria presa à ambiguidade. Melhor fazer uma escolha equivocada do que não fazer nenhuma, por medo de errar.

CÂNCER 21-6 a 21-7

A incompatibilidade de seu progresso em particular com o das pessoas próximas colocará em relevo a natureza dos vínculos e também será uma prova de resistência. O que for verdadeiro transcenderá as adversidades.

LEÃO 22-7 a 22-8

Quem se convence de saber tudo é aquele que logo mais pisará no tomate e perderá o rebolado. Recupere a lucidez e perceba as limitações de seu entendimento, o mundo anda produzindo acontecimentos muito novos.

VIRGEM 23-8 a 22-9

O entusiasmo do avanço acontece simultaneamente ao susto que dá enxergar tudo que está em jogo e a ansiedade decorrente dessa visão. A simultaneidade paradoxal de emoções é a marca registrada do momento atual.

LIBRA 23-9 a 22-10

Os novos vínculos que se formaram e levarão algum tempo para consolidar empurrarão o passado ao esquecimento. Simultaneamente ao esquecimento desaparecerão pessoas que em outros tempos teriam parecido eternas presenças.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Por enquanto seu trabalho não é visível, mas isso não deve ser tratado como uma limitação. Melhor navegar abaixo do radar por um tempo, aprimorando seus instrumentos de trabalho e se recusando a elevar queixas.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Arriscar-se é bom em nome de maior progresso, porém, você deve limitar o espírito de aventura para que o risco não se torne maior do que sua capacidade de suportá-lo. Afinal, quantos aventureiros já sucumbiram?

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Parece não ter fim, há apenas a reedição perpétua dos mesmos assuntos de sempre. Porém, as aparências ocultam a verdadeira realidade, pois, apesar de tudo, ter o ar da estagnação as coisas continuam em movimento.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Para conhecer o mundo, em primeiro lugar você terá de conhecer sua alma, indo fundo na pesquisa e, principalmente, tendo absoluta sinceridade no processo. Aceite tudo de si, o que aprecia e também o que despreza.

PEIXES 20-2 a 20-3

O bloqueio não se levantará por si só, você terá de tomar decisões e atitudes duras e consistentes para ir além desse bloqueio invisível, porém, de grande resistência. É necessário movimentar-se com vigor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.