Mino Carta lança romance autobiográfico

Uma das grandes personalidades do jornalismo brasileiro, Mino Carta lança seu primeiro livro, O Castelo de Âmbar, uma autobiografia romanceada. O lançamento será nesta quarta-feira, 22, no Fórum Fnac, a partir das 19h30.Como fundador e diretor de redação de alguns dos mais importantes veículos de imprensa do País (revistas Veja e IstoÉ e Jornal da Tarde), o jornalista esteve perto dos acontecimentos mais marcantes da história brasileira desta última metade do século, convivendo diariamente com os grandes representantes da imprensa, bem como com presidentes, governadores e ministros. É esta proximidade com o poder a principal matéria-prima do livro.O Castelo de Âmbar usa a ficção para aclimatar a história. Um advogado recebe da secretária de um jornalista recém-falecido uma grande caixa com documentos, manuscritos e um conto. A partir daí, desvendam-se histórias dos últimos cinqüenta anos da trajetória do País, com revelações de seus governantes, jornalistas e empresários de imprensa, das quais foi testemunha. O livro também conta a luta do jornalista imigrante contra o governo que o censura - e com a conivência de seus próprios patrões.Mino Carta é genovês e iniciou sua carreira de jornalista em 1950, em Roma. Mudou-se definitivamente para o Brasil em 1960, quando fundou a revista Quatro Rodas. Também fundou e dirigiu a edição de esportes de O Estado de São Paulo. Trabalhou no Jornal da República, dirigiu a redação da revista Senhor e IstoÉ e depois saiu para fundar a revista Carta Capital.O Castelo de Âmbar - Mino Carta - 400 páginas - R$ 28,00 - Editora Record. Fórum FNAC - Av. Pedroso de Moraes, 852/3º andar

Agencia Estado,

21 de novembro de 2000 | 16h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.