Divulgação
Divulgação

Militante faz ameaça de morte contra David Letterman

Autor ficou irritado com piada do apresentador norte-americano sobre dirigente morto da Al-Qaeda

REUTERS

18 de agosto de 2011 | 09h19

Um militante muçulmano conclamou seus seguidores norte-americanos a matarem e cortarem a língua do apresentador de TV David Letterman por causa de uma piada feita no ar, disse na quarta-feira uma instituição norte-americana de inteligência.

A entidade Site disse que a ameaça foi divulgada em um site usado por militantes. O autor teria ficado irritado ao ver Letterman passar o dedo sobre a garganta ao se referir a Ilyas Kashmiri, dirigente da Al Qaeda morto em junho num bombardeio no Paquistão.

"Cortem a língua desse judeu rasteiro e fechem (sua boca) para sempre", disse o autor da ameaça no site Shumukh al-Islam, segundo tradução do Site. Letterman, apresentador de um popular programa de entrevistas nos EUA, não é judeu.

Letterman e sua emissora, a CBS, não quiseram comentar a informação. O FBI disse estar levando a ameaça a sério.

(Reportagem de Jill Serjeant)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTELETTERMANAMEAA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.