Michelle Obama inaugura ala de moda no Metropolitan Museum, em Nova York

Primeira-dama dos Estados Unidos participou da abertura do novo centro, de 40 milhões de dólares

AP

06 de maio de 2014 | 11h52

Junto de estrelas da moda, como Calvin Klein, Oscar de la Renta, Michael Kors, Carolina Herrera, Marc Jacobs, Ralph Lauren e outros, que estavam por lá também, a primeira-dama norteamericana Michelle Obama inaugurou nesta segunda-feira, 5, o Centro de Moda Anna Wintour, no Museu de Arte Metropolitano de Nova York. Avaliado em 40 milhões de dólares, o centro é nomeado em homenagem à editora da revista Vogue.

“Estou aqui por causa de Anna”, disse Michelle Obama. “Me impressionam muito as suas contribuições não apenas à moda, mas também a este grande museu. Este centro é dedicado a todos aqueles que se importam com a moda, e com tudo que ela representa na nossa cultura e história.”

A primeira-dama, que estava com um vestido de estampas florais verde escuro de organza de seda, de Naeem Khan, disse ainda que o centro ensinará aos jovens que a moda não é apenas um negócio, mas também uma arte, e que a ala será uma “fonte de inspiração e aprendizagem”.

::: Cultura Estadão nas redes sociais :::
:: Facebook ::
:: Twitter ::

A inauguração também contou com desenhos de Charles James, influente alfaiate do século 20, morto em 1978. Com um trabalho complexo e inovador entre as décadas de 1930 e 1950, James desenhou vestidos de gala para Gypsy Rose Lee, Marlene Dietrich e para a família Hearst. O próprio Christian Dior classificou James como “o maior talento de minha geração”.

Tudo o que sabemos sobre:
ModaMichelle ObamaMetropolitan Museum

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.