'Meus filhos são minha prioridade'

'Meus filhos são minha prioridade'

Entrevista com Sarah Jessica Parker. Atriz do filme Cadê Os Morgans?

Flavia Guerra, O Estado de S.Paulo

29 de março de 2010 | 00h00

Aos 44 anos, Sarah Jessica Parker insiste em afirmar que "é uma mulher normal, que leva uma vida muito normal" e que seu maior interesse hoje é aproveitar sua vida em família. Quando a conversa com os jornalistas durante a première mundial de Cadê os Morgans? ocorreu em Londres, em dezembro, a atriz ainda estava se acostumando à vida de "mãe de três". Sarah é casada com o ator Matthew Broderick, com quem tem o garoto James Wilkie, de 7, e havia "ganhado" as gêmeas Marion e Tabitha há apenas quatro meses. Fruto de um gravidez planejada com a "ajuda de uma barriga de aluguel", as gêmeas renderam quase mais assunto que a sequência para o cinema de Sex and the City. Em um vestido Dior emprestado e usando maquiagem leve, a atriz conversou com jornalistas em uma suíte do Dorchester Hotel sobre filmes, filhos, beleza e voltou a garantir: "Não uso botox. Tenho rugas !"

Se você pudesse ter algum disfarce para poder passar despercebida, como a Meryl do filme, o que você escolheria?

Em vez de ter uma outra identidade, preferiria estar em uma metrópole. Adoro grandes cidades. É mais fácil passar despercebida nelas.

Gosta da vida no campo ou é "alérgica" à natureza como Meryl?

Adoro a vida no campo. Simplesmente me aconteceu de viver em uma grande cidade como Nova York. Na verdade, tanto eu quanto Matthew escolhemos viver em uma metrópole. Mas não sou alérgica à vida rural. A família do Mathew tem uma casa no interior da Irlanda há mais de 40 anos. É um lugar realmente difícil de chegar, mas que adoro. Há anos em que vamos lá umas duas vezes... Às vezes passam dois anos e não temos tempo de ir, mas adoro.

Desde o fenômeno Sex and the City, você é sempre vista usando grifes famosas em looks incríveis. Há momentos em que tudo que quer é usar um jeans velho, uma camiseta e um par de tênis?

Claro! Não se esqueça que sou uma mãe. E mães têm de usar roupas confortáveis. A não ser que você não tenha muita interação com seu filho, é impossível administrar uma casa, brincar com seus filhos, levá-los à escola, andar por pilhas de neve, desviar do cocô do cachorro na calçada e ainda estar bem vestida e usando salto alto.

Sua imagem ficou associada à de Carrie de uma forma quase indelével. Você já se arrependeu de Sex and the City alguma vez?

Jamais! Algumas revistas disseram isso, mas não acredite em tudo que dizem sobre mim. Carrie é uma grande mulher. Se é para ficar marcada por um papel, que seja pelo dela!

Como está conseguindo balancear as filmagens de Sex and the City 2 e ser mãe?

Até consigo balancear bem. Meus filhos são minha prioridade e tudo que quero é criá-los bem e fazê-los não se sentir envergonhados com as coisas ridículas que sua mãe faz (risos). Ainda temos mais três semanas de filmagem de Sex and the City 2, em janeiro. Não posso falar muito, mas juro que está ficando incrível! Depois vou curtir mais minha família. Meus dois irmãos também acabaram de ter bebê e tudo que quero é curtir também meus sobrinhos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.