Melodrama, por Sirk, rei do gênero

Uma Dupla Encrenqueira

LUIZ CARLOS MERTEN, O Estado de S.Paulo

03 de março de 2012 | 03h07

15H15 NA RECORD

(Getting Even With Dad). EUA, 1994. Direção de Howard Dutch, com Macaulay Culkin, Ted Danson, Glenne Headley, Saul Rubinek, Hector Elizondo.

Ted Danson rouba coleção rara de moedas que seu filho - Macaulay Culkin - mostra para pessoas erradas. Comédia que pega carona na imagem de Culkin em Esqueceram de Mim - a forma como ele enfrenta o vilão Saul Rubinek. O problema é que tudo parece de segunda, até o romance de papai com a policial Glenne Headley. Reprise, colorido, 109 min.

Um Maluco Perdido no Espaço

16H15 NA BANDEIRANTES

(2001 - A Space Travesty). EUA, 2000. Direção de Allan A. Goldstein, com Leslie Nielsen, Alexandra Kamp-Groneveld, Veronica Feldbush, Damien Mason, Cindy Davis.

Leslie Nielsen, com seu estilo lunático de humor, faz astronauta perdido no espaço. O diretor quis fazer uma paródia do clássico 2001, mas errou no alvo, ou a obra-prima de Stanley Kubrick é daqueles filmes que resistem a tudo. Reprise, colorido, 91 min.

Jimmy Carter - O Homem de Plains

19 H NA CULTURA

(Jimmy Carter - Man from Plains). EUA, 2007. Direção de Jonathan

Demme.

A emissora reprisa o documentário sobre o ex-presidente Jimmy Carter, que exibiu em duas partes. O lançamento de seu livro sobre a questão palestina é o estopim para uma interessante discussão política sobre o Oriente Médio. Reprise, colorido, 62 min.

Primeiro Impacto

21H15 NO SBT

(Jackie Chan's First Strike). China, 1997. Direção de Stanley Tong, com Jackie Chan, Chen Chu Wu, Jackson Lou, Bill Tuno.

Jackie Chan dá uma de 007 e, na pele de policial de Hong Kong, escolta russa misteriosa num voo para a Ucrânia. No caminho, descobre que dissidentes da antiga KGB querem roubar ogiva nuclear. Com a ajuda da CIA - e sem perder o humor -,

o herói recoloca o mundo nos eixos. Reprise, colorido, 107 min.

A Vida Secreta dos Dentistas

21H45 NA CULTURA

(The Secret Lives of Dentists). EUA, 2002. Direção de Alan Rudolph, com Campbell Scott, Denis Leary, Robin Tunney, Peter Samuel, Hope Davis.

Campbell Scott faz dentista que desconfia de que a mulher, também dentista, está tendo um affair. Ele decide não confrontar Robin Tunney, mas suas suspeitas repercutem na vida familiar e profissional, prejudicando as filhas (e os pacientes). Cenas de um casamento, pelo mais talentoso discípulo de Robert Altman no cinema norte-americano. Benfeito, bem interpretado, mas não espere nenhuma maravilha. Inédito, colorido, 102 min.

A Ilha dos Paqueras

22H30 NA TV BRASIL

Brasil, 1966. Direção de Fauzi Mansur, com Renato Aragão, Suely Fernandes, Dedé Santana, Dino Santana, Berta Loran, Roberto Bataglin.

Comédia pré-Trapalhões, em que Renato Aragão e Dedé Santana fazem taifeiros às voltas com belas modelos num navio de turismo. Dino, irmão de Dedé, antecipa Mussum e Zacarias e o filme segue a fórmula das comédias de Jerry Lewis e Dean Martin. Dedé banca o galã e Didi se encarrega das trapalhadas. Reprise, colorido, 95 min.

A Isca

23H15 NO SBT

(Bait). EUA, 2000. Direção de Antoine Fuqua, com Jamie Foxx, David Morse, Kimberly Elise, Mike Epps.

Federais implantam chip em pequeno trapaceiro na tentativa de monitorá-lo (e chegar a uma fortuna escondida). O diretor Antoine Fuqua é melhor no policial, Dia de Treinamento. Sua comédia urbana consegue ser apenas moderadamente divertida. Reprise, colorido, 119 min.

A Pessoa É para o Que Nasce

23H30 NA CULTURA

Brasil, 2006. Direção de Roberto

Berliner.

Três irmãs cegas sobrevivem com o que ganham cantando e tocando ganzá em feiras. O longa do diretor Roberto Berliner investiga o efeito transformador que o cinema tem na vida delas. Reprise, colorido, 86 min.

Brincando com a Morte

0H45 NA BANDEIRANTES

(Playing God). EUA, 1997. Direção

de Andy Wilson, com David Duchovny, Timothy Hutton, Angelina Jolie,

Michael Massee, Peter Stormare.

Leonard Maltin deita e rola em seu guia e, aproveitando a presença de David Duchovny, diz que o mistério da realização deste filme (por quê?) daria um episódio de Arquivo X. Duchovny fax cirurgião cuja licença foi cassada, por causa das drogas. Ao socorrer a vítima de um tiroteio, ele é chamado por traficante para virar o médico de seu bando. Reprise, colorido, 91 min.

TV Paga

Imitação da Vida

12H55 NO TELECINE CULT

(Imitation of LIfe). EUA, 1959. Direção de Douglas Sirk, com Lana Turner, John Gavin, Sandra Dee, Susan

Kohner, Juanita Moore.

Melodrama que representa o melhor do cinema de gênero. Lana Turner triunfa na carreira de atriz, mas, como mãe de sua filha, a doméstica (negra) Juanita Moore, é melhor. O problema é que a filha de Juanita quer se passar por branca e odeia a própria mãe. O funeral, no desfecho, comporta múltiplos significados. Foi a despedida de Sirk, que nunca mais voltou a dirigir. Reprise, colorido, 124 min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.