McCartney teria batido em Linda, diz jornal

Heather Mills divulga gravação em que o ex-beatle teria admitido que agrediu a primeira mulher

EFE

01 de novembro de 2007 | 12h10

Heather Mills, ex-mulher do cantor Paul McCartney, divulgou uma gravação na qual se escuta o ex-Beatle admitir que bateu algumas vezes em sua primeira mulher, Linda Eastman, informa nesta quinta-feira, 1º, o tablóide britânico Daily Mirror.     Mills, que na quarta-feira, 31, deu entrevistas dizendo que era maltratada pelos meios de comunicação, vazou uma fita que supostamente reproduz uma discussão entre a ex-modelo e o músico. "Heather e Paul gritavam um com outro. Ouve-se o cantor confessando ter batido em Linda uma ou duas vezes", afirmou ao jornal uma testemunha que escutou a gravação.   Linda morreu de câncer em 1998, aos 56 anos, após um casamento de 29 anos com o músico.   Durante a maratona de entrevistas que concedeu na quarta-feira a televisões e emissoras de rádio britânicas, Mills afirmou que recebeu "ameaças de morte" e que esteve "à beira do suicídio".

Tudo o que sabemos sobre:
paul maccartneyheather mills

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.