Marvel começa a pôr seu acervo de quadrinhos online

250 títulos estão na internet como amostra grátis; serviço completo terá assinatura, mensal ou anual

Associated Press,

13 de novembro de 2007 | 13h55

A Marvel, editora de heróis como Homem-Aranha e Capitão América, colocou alguns de seus clássicos online, na esperança de reapresentar seus personagens ao público, trazendo de volta as aparições originais dessas criações.   Veja também:    Marvel  DC Comics  Zuda Comics   Trata-se de uma entrada cautelosa na internet: os quadrinhos só podem ser lidos online, não baixados para o computador, e novas edições só chegarão ao site seis meses depois do lançamento em banca.   A despeito disso, trata-se, até agora, do movimento mais agressivo de uma grande editora de quadrinhos rumo à internet. Ao mesmo tempo em que suas criações - como os X-Men ou o home de Ferro - ocupam cada vez mais espaço na cultura popular, graças a filmes e jogos, os principais editores de quadrinhos dos EUA ainda dependem, principalmente, de lojas especializadas para a distribuição de seu produto principal.   "Não há mais o estande de quadrinhos na mercearia da esquina", disse o presidente da Marvel Publishing, Dan Buckley. "Nosso produto não vai mais ao encontro dos espaços onde a garotada vive".   Traduza-se "espaço onde a garotada vive" por "internet". Os dois principais concorrentes da Marvel, já se valem de trailers online para estimular a venda de quadrinhos.   A Dark Horse Comics coloca sua antologia "Dark Horse Presents" de graça no site de relacionamentos MySpace. A DC Comics também já publicou no MySpace, e recentemente lançou o website Zuda Comics, que encoraja os usuários a avaliar quadrinhos produzidos pelos colegas. O presidente da companhia, Paul Levitz, diz que espera pôr mais quadrinhos online nos próximos anos.   Com sua nova iniciativa, a Marvel espera que os fãs de seus personagens estejam dispostos a gastar US$ 9,99 ao mês, ou US$ 5,99 ao mês por uma assinatura anual, para ler os primeiros 100 números de "Homem-Aranha" online, além de outras ofertas do novo pacote. Os quadrinhos podem ser vistos em diferentes formatos, incluindo quadro-a-quadro.   No momento, há 250 títulos expostos como amostras grátis.

Tudo o que sabemos sobre:
marvelquadrinhoscomics

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.