Marlene Mattos sai da TV Bandeirantes

A diretora artística Marlene Mattos está fora da Band. A emissora deve encaminhar nesta terça-feira comunicado sobre o rompimento de contrato. Tanto Band como Marlene estavam insatisfeitos com a parceria e, por isso, o término do contrato foi antecipado. A decisão foi tomada nesta segunda, em reunião na sede da emissora, entre o vice-presidente Marcelo Parada e advogados dela.Marlene, que ficaria na emissora até o início de 2006, trabalhará até domingo e depois deve seguir carreira solo. Quer montar uma produtora de conteúdo para a televisão - já tem uma agência de famosos e atletas. A princípio, ninguém deve ocupar o cargo dela, que foi criado para Marlene, em janeiro, quando assinou com a emissora.Marlene não quis comentar o assunto. "Espere o comunicado. Não vou falar agora", disse ao telefone para a reportagem do Estado. Sua saída da Band já era comentada desde a semana passada, quando Preta Gil, sua maior aposta, teve o contrato rompido. Kelly Key, que também foi contratada por Marlene para apresentar o desenho animado Cavaleiros do Zodíaco, não renovará (fica na Band até dezembro).Na ocasião, Marlene comentou que era precipitado encerrar o Caixa Preta, programa de Preta Gil, que não chegou a ficar três meses no ar. Afirmou também que se fosse sair, a Band seria a primeira a saber. "Não deixarei de ser ética."A verdade é que Marlene, que descobriu Xuxa, desta vez não emplacou: além de Preta e Kelly, tentou segurar Sabrina Parlatore e a atração Oi Brasil (sobre viagens) e não conseguiu. Reformulou o Melhor da Tarde, de Astrid, e não deu certo - o ibope patina em 1 ponto (cada ponto equivale a 49.500 domicílios na Grande São Paulo). Tinha projeto de uma atração diária, nos moldes de Jogo da Vida, para Márcia Goldsmith, mas a Band vetou.

Agencia Estado,

25 de outubro de 2004 | 21h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.