Mario Vargas Llosa está 'muito bem' de saúde, diz sua esposa

Autor de 'Conversa na Catedral' teria sofrido problemas cardíacos, segundo a mídia local

EFE,

20 de janeiro de 2008 | 18h49

O escritor peruano Mario Vargas Llosa está "muito bem" de saúde, disse neste domingo, 20, sua esposa, Patricia Llosa, que negou que o marido tenha sofrido algum problema cardíaco. A esposa do autor de A Festa do Bode declarou à emissora Radioprogramas del Peru (RPP), que Vargas Llosa foi a uma clínica de Lima na sexta-feira para fazer exames de rotina. A mesma emissora havia informado que o escritor, de 71 anos, teria se internado na San Pablo, em Lima, na noite da sexta-feira, após sofrer um problema cardíaco.  "Ele está muito bem. Foi fazer uma revisão de rotina na Clínica San Pablo e lhe deram alta porque não tinha nada. Na verdade, está muito bem", afirmou. O suposto problema de saúde de Vargas Llosa foi anunciado no sábado pela imprensa local e confirmado pelo presidente peruano, Alan García, que lhe desejou uma rápida melhora e pediu ao primeiro-ministro do país, Jorge del Castillo, que acompanhe pessoalmente o quadro de saúde do escritor. Vargas Llosa deixou a clínica no sábado de manhã aparentemente bem, mas não chegou a se encontrar com Castillo. A clínica manteve sigilo absoluto sobre o assunto. Patricia Llosa agradeceu a preocupação dos peruanos com o estado de saúde do autor de romances como Conversa na Catedral e A Guerra do Fim do Mundo.

Tudo o que sabemos sobre:
Mario Vargas Llosa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.