Marido de Amy Winehouse deixa a prisão e inicia reabilitação

Blake Fielder-Civil foi preso por agredir dono de um pub e tentar suborná-lo para que retirasse acusação

Efe,

06 de novembro de 2008 | 10h52

Blake Fielder-Civil, marido da polêmica cantora britânica Amy Winehouse, saiu na quarta-feira, 5, da prisão na qual ficou por um ano por agredir o dono de um pub londrino e tentar suborná-lo para que retirasse a acusação e abandonasse o país. Veja também:Amy Winehouse é musa em mostra de pop art em Londres Após deixar a prisão de Edmund Hill, em Suffolk, sudeste da Inglaterra, Fielder-Civil, de 26 anos, teve que se internar em um centro de desintoxicação de drogas, uma das condições de sua libertação, informou a agência Press Association (PA). O marido de Amy, que declarou ser viciado em drogas em uma audiência judicial realizada em julho, passará "pelo menos dois meses" nesse centro, declarou à PA uma fonte ligada ao caso.  Ex-operador de vídeo e nascido em Lincolnshire, norte da Inglaterra, Fielder-Civil se casou em 2007, em Miami, com Amy, de 25 anos, que o apoiou durante todo o tempo que passou atrás das grades. A cantora, milionária graças ao sucesso de Back to Black, viu sua carreira ser afetada nos últimos tempos por sua dependência às drogas e seus problemas de saúde.

Tudo o que sabemos sobre:
Amy WinehouseBlake Fielder-Civil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.