Maria Alice Vergueiro leva <i>Tapa na Pantera</i> para a noite

Maria Alice Vergueiro se transformou em ícone de uma geração distante daquela à qual pertence. E isso tudo por causa de um vídeo colocado no You Tube e que já circulou, desde 2004, por mais de quatro milhões de computadores. A atriz, veterana dos palcos, é protagonista do Tapa na Pantera, vídeo que mostra um depoimento sobre o uso de maconha. Com roteiro interessante e frases de efeito, um detalhe que chama a atenção do público é o fato de não saber se a história contada é realidade ou ficção."Há uma curiosidade", diz a atriz, ou melhor, a pantera. Em seu apartamento em Higienópolis, Maria Alice recebeu o Estado para um chá e, vestiu o personagem. Ou não. Vai ver Maria e a pantera são uma só. Esta repórter até arriscaria um palpite, mas não quer estragar a fantasia.A pantera vai sair na noite paulistana nesta terça-feira, a partir da meia-noite. Estará em uma das casas noturnas que mais simbolizam o movimento underground da cidade e que dedica as noites de terça-feira para a festa Tapa na Pantera. "A Lôca é o ambiente para a pantera", afirma Maria Alice, mesmo sem nunca ter pisado na boate. "Ouço muito falar e me interesso porque sinto, mesmo sem conhecer, sinto que A Lôca é colega, é provocadora."Símbolo cultMesmo com dores na perna, a atriz quer encarar a balada e receber jovens que a transformaram em um símbolo cult. "Primeiro você vive a juventude e depois a juventude vive em você", cita a atriz que adora estar entre jovens - e, mais do que isso, ela consegue se misturar aos jovens. "Não estou saudosa da juventude. Tenho a juventude do passado com uma nova energia."Segundo a atriz, a pantera não vive sozinha. Ela depende da "entourage". E a casa noturna paulistana é ambiente para ela. "Minha ida na Lôca está resgatando em mim uma coisa provocadora", atesta Maria Alice, que já recusou alguns convites globais. "Se piso em terreno inimigo, acabam domesticando a pantera. E perco a minha briga."Maria Alice diz que não tem nada contra a Globo e que é uma questão de que estilo tem a ver com a pantera. "Se A Lôca ficar super importante também, aí também não vou mais para lá. O meio é a mensagem", explica.Maria Alice ainda não sabe o que fará na noite de hoje na casa noturna A Lôca, mas estava combinando, na sexta-feira passada, os detalhes com o DJ Thy - que comanda a festa ao lado dos DJs Nenê e Nega Nervous -, entre uma xícara e outra de chá.Festa: Tapa na Pantera com Maria Alice Vergueiro, a partir da meia-noiteLocal: A Lôca - R. Frei Caneca, 916 - Cerqueira César. Tel.: 3159-8889Preço: R$ 10 (com flyer) e R$ 20 (sem flyer)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.