Marcelo Fromer é enterrado ao som de Titãs

No enterro do guitarrista Marcelo Fromer, hoje à tarde, no Cemitério da Paz, no Morumbi, não houve cerimônia religiosa, como queria a família. Atendendo ao apelo da mãe do músico, dona Lúcia, que queria que o sepultamento estivesse de acordo com a forma de ser do filho, os integrantes dos Titãs cantaram a música Prá Dizer Adeus. Os fãs acompanharam, em voz baixa, quase como um lamento. Nando Reis, companheiro na banda e amigo de Fromer desde a infância, também leu um texto contando a história da amizade dos dois e relembrando momentos da adolescência. "Essa história vale para todos os amigos aqui", disse. Reis e os outros titãs também participaram do velório de Fromer, assim como outras centenas de pessoas de diversas idades, vindas de várias partes da cidade. Do momento em que o corpo chegou ao cemitério, por volta das 9 horas, até o enterro, às 17, o movimento diante do caixão coberto com flores e uma bandeira do São Paulo foi intenso. Alguns familiares e fãs permaneceram o tempo todo no velório. Por volta das 14h35, chegaram os dois filhos mais novos do músico - Alice, de 7 anos, e Max, de 4, que vivem em Portugal e foram avisados da morte do pai só ontem. Nessa hora, cerca de 150 pessoas aguardavam na fila.Várias personalidades, como o senador Eduardo Suplicy, o rabino Henry Sobel, o publicitário Washington Oliveto e os apresentadores Raul Gil, Serginho Groiman, Adriane Galisteu e Marcos Mion também passaram pelo Cemitério da Paz para homenagear o colega. Do meio musical, apareceram Igor Cavallera e Andreas Kisser, do Sepultura, André Jung, do Ira! - o primeiro baterista dos Titãs, além dos cantores Jair Rodrigues e Rita Lee e o roqueiro Supla.Durante todo o dia também não pararam de chegar coroas de flores, enviadas por rádios, gravadoras, amigos e artistas, como Barão Vermelho e Jorge Ben Jor. O São Paulo, time de Fromer, também mandou a sua.Até as 15h50, quando o acesso ao velório ficou restrito à família, os fãs expressavam seu amor ao guitarrista de maneiras variadas. Alguns entravam repetidas vezes na fila para passar várias vezes diante do corpo, outros cantavam trechos de canções e houve até quem beijasse o caixão, para desespero dos seguranças. Muitos, como as amigas Michele Guedes, de 16 anos, e Stephanie Pangracio, de 15, também permaneceram o dia todo no cemitério. "Onde eles estão a gente está", contou Michele.Confundido com o vocalista Paulo Miklos, dos Titãs, o ajudante Paulo Ricardo Fagundes Souza, de 28 anos, chegou até a dar autógrafos. "Estou muito triste com tudo isso", comentou ele, que já foi a 33 shows do grupo e guarda em casa, além de 12 camisetas da banda, todos seus discos, CDs e fitas. Ainda não faltaram os curiosos. "A gente veio aqui para ver os Titãs e aparecer na televisão", disse o estudante Márcio Reple, de 14 anos. "Sempre quando tem (velório de gente famosa), eu venho", completou a dona de casa Marlene dos Reis Silva, de 51, que se lembra também dos enterros de Jânio Quadros, Elis Regina e Ayrton Senna.Emocionada, a namorada Karen Kupfer agradeceu as manifestações de solidariedade. "Só nas últimas horas recebi cerca de 180 telefonemas e 40 telegramas", revelou. Sobre a expectativa de se encontrar o motociclista que atropelou Fromer, não quis comentar. "Quero que ele morra", disse. Já o irmão do músico, Tiago Kairovesky, afirmou que a família espera justiça. "Atropelamento é fatalidade, mas omissão de socorro é crime. Essa pessoa deve ser encontrada para responder a esse crime e isso tem de servir de exemplo para que outros não fujam." Sobre a doação dos órgãos, a irmã Lígia disse que responde ao que o irmão faria. "Estamos tentando agir com coerência frente ao que o Marcelo sempre fez na vida", afirmou. "É bom saber que muitas famílias estão podendo sorrir." O responsável pelos serviços fúnebres da Congregação israelita Paulista, Sérgio Cernea, afirmou que "Se esses órgãos retirados servirem para salvar uma vida humana ou para prolongar a qualidade de vida de outro ser humano o judaísmo não só aceita como recomenda".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.