Marçal Aquino lança hoje seu "Cabeça a Prêmio"

Cabeça a Prêmio é nova novela do mesmo autor de O Invasor, obra que deu origem ao filme de Beto Brant, do qual Marçal ajudou a escrever o roteiro. Cabeça a Prêmio, publicado pela Cosac & Naify, será lançado hoje à noite, no bar Canto Madalena, em São Paulo."Meu livro tem uma vertente policial, mas também uma outra, que é a da relação amorosa", diz Marçal, que não gosta muito de "teorizar" sobre o que escreve. Mas ele foge da figura típica do gênero, que é o detetive e diz que presença da violência, vem do universo de onde as histórias surgem: o real e contemporâneo.A trama tem dois casais. Um deles é formado por um piloto de avião, Dênis, e pela filha de um traficante de drogas. O outro, por um matador que odeia a humanidade e por uma cafetina - que nunca discutem o próprio passado. Dênis, o homem que tem a cabeça a prêmio, "era de Vilhena, tinha trabalhado muito tempo para garimpeiros, enquanto aguardava uma chance nas grandes companhias de aviação comercial, o que nunca aconteceu. Ele pensava nisso como um segundo fracasso: quando jovem, sonhara em jogar futebol - chegou a treinar na equipe juvenil do Sport Recife. Mas aí estourou o joelho e mudou de rota." A Cosac & Naify está publicando uma coletânea de contos do escritor e jornalista Marçal Aquino, com o título Famílias Terrivelmente Felizes com 21 contos - 16 retirados de seus dois primeiros livros, As Fomes de Setembro (1991) e Miss Danúbio, um da coletânea Decálogo (2000) e mais quatro inéditos: Sábado, Echenique, A Face Esquerda e "Recuerdos" da Babilônia. Cabeça a Prêmio - de Marçal Aquino. Editora Cosac & Naify. 192 páginas. R$ 29,oo. Lançamento hoje, a partir das 20 horas, no Canto Madalena. Rua Medeiros de Albuquerque, 471, tel. 3813-6814

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.