Mãos, para que te quero!

Mãos, para que te quero!

"Minhas mãos são pequeninas e isso pode ser um problema na busca por um repertório mais amplo.Mas esse limite não me incomoda. Até gosto dele, porque me obriga a redescobrir os autores que toco"

Entrevista com

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.