Manuscrito de Céline bate recorde em leilão

Os originais do romance de Louis Ferdinand Céline Viagem ao Fim da Noite, um dos marcos da literatura francesa no século 20, atingiram hoje em leilão o maior valor já pago por um manuscrito literário - cerca de US$ 1,5 milhão. Foram comprados pela Bilbioteca Nacional da França, que ao oferecer quase o dobro do valor estimado para o leilão pôs fim a uma longa disputa entre colecionadores pelo material. As 876 páginas de Viagem ao Fim da Noite, primeiro romance do autor, foram vendidas a um colecionador de arte de Paris em 1943 por US$ 1,4 mil, em dinheiro, mais um pequeno quadro de Renoir, e desde então eram dadas como perdidas. Ao justificar o valor pago pela obra, que superou os cerca de US$ 1,2 milhão alcançados em 1998 pelos originais de O Processo, de Kafka, especialistas da biblioteca francesa apontaram a riqueza nas páginas de Céline de correções, notas e lembretes, que informam sobre o processo criativo do autor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.