MAM expõe arte com temática urbana

O MAM Villa-Lobos abre hoje a terceira exposição com temática urbana em São Paulo. Cidadeprojeto/cidadeexperiência apresenta 20 obras de artistas brasileiros da segunda metade do século passado, todas do acervo do museu. Com a 25.ª Bienal e o Arte/Cidade, a exposição do MAM ajuda a completar um panorama sobre as relações entre a produção artística e o espaço urbano. Entre os artistas selecionados pelo curador Tadeu Chiarelli, estão expoentes da arte brasileira dos anos 60 e 70, que ficaram conhecidos por deixar claro seu posicionamento político através dos trabalhos que faziam. Nomes como Rubens Gerchman e Carlos Zílio, ambos presentes na exposição, também foram dos primeiros no Brasil a usar objetos cotidianos como suporte, abrindo caminho para a liberdade dos artistas de hoje. Cidadeprojeto/cidadeexperiência é a quarta mostra de uma série que pretende exibir o acervo do MAM de São Paulo e contar a história da arte brasileira no século 20. Fugindo à abordagem cronológica, as exposições são organizadas de acordo com temas e uso de meios e suportes para a confecção das obras. Segundo o curador, a oitava exposição, no segundo semestre deste ano, será um retrospecto das anteriores e lançará um catálogo, que vai registrar boa parte do acervo do MAM. Cidadeprojeto/cidadeexperiência - MAM Villa-Lobos: Avenida Nações Unidas, 4.777, piso 3. Tel: 3024-4242. De segunda a sábado, das 11h às 22h e domingos, das 14h às 20h. Até 5 de maio. Entrada franca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.